Publicado 03 de Outubro de 2018 - 1h21

Por Estadão Conteúdo

Os candidatos ao governo do Estado do Rio pelo PSC, Wilson Witzel, e pelo PSD, Indio da Costa, aproveitaram o debate da TV Globo, encerrado pouco antes de 1 hora desta quarta-feira (3), para declarar apoio ao candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro.

"Tenho certeza que o próximo presidente da República será Jair Bolsonaro", afirmou Witzel, nas considerações finais, após dizer que, no debate, havia um conluio para apoiar o candidato a presidente do PT, Fernando Haddad. "Vote Bolsonaro 17", afirmou Indio, que foi candidato a vice-presidente em 2010, pelo DEM, na chapa com José Serra (PSDB).

Como contraponto, a candidata do PT, Márcia Tiburi, alertou para o perigo do "fascismo", sem citar Bolsonaro. "Fascismo é o fim da democracia", disse Márcia, nas considerações finais. Já o candidato do PSOL, Tarcísio Motta, aproveitou suas últimas palavras para lembrar a vereadora Marielle Franco, assassinada em março. Segundo ele, mataram a vereadora, mas não a esperança.

Escrito por:

Estadão Conteúdo