Publicado 13 de Agosto de 2018 - 6h30

Por AFP

O número de mortos pela explosão no domingo de um depósito de armas na província síria de Idlib aumentou a 69, de acordo com o balanço atualizado divulgado pela ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH)."Ao menos 52 civis, incluindo 17 menores de idade, a maioria procedentes de (a província de) Homs, perderam a vida na explosão", afirmou à AFP o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman.Os outros 17 mortos são combatentes do grupo extremista Hayat Tahrir al-Sham.ah/bek/hj/ra/bc/fp

Escrito por:

AFP