Publicado 27 de Janeiro de 2018 - 12h05

Por Paulo César Dutra Santana

Paulo Santana

Da Agência Anhanguera

[email protected]

Com sete pontos somados nas três primeiras partidas do Paulistão, o São Bento faz o melhor início de campanha da sua história recente na divisão de elite estadual. Começou a rodada em segundo na classificação geral e também no Grupo C, atrás apenas do Palmeiras (único com 100% de aproveitamento). Além disso, sua defesa não tomou nenhum gol. Neste quadro e também por conta do descrédito que começa a rondar, a Ponte Preta terá que fazer uma partida de superação, hoje, às 17h, no Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba.

O objetivo é se manter na zona de classificação para a próxima fase, mas o técnico Eduardo Baptista sabe que precisa melhorar bastante já que o time foi muito mal no segundo tempo de derrota para o Santos, de virada, na última quinta-feira, em casa, por 2 a 1. “Sabendo da pressão, assumo a responsabilidade e absorvo as críticas porque a responsabilidade continua sendo minha”, reconhece o comandante.

Por conta do pouco tempo de preparação para o início da competição e também pela falta de tempo para treinar e corrigir erros entre um confronto e outro, o treinador pede calma ao torcedor. “Precisamos dar tranquilidade para eles (jogadores) continuarem o trabalho. Encaramos o Santos de igual para igual e poderíamos ter conseguido um resultado melhor. Mas agora precisamos equilibrar essa equipe para poder render bem os 90 minutos diante do São Bento”, ressalta.

Para este jogo, não existem problemas de contusão ou suspensão. E no que depender da parte burocrática, o meia Daniel está livre para fazer sua estreia. Ele teve seu nome publicado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF na tarde de sexta-feira e está com a situação regularizada no Paulistão.

Mas, pelo que mostrou no treino realizado ontem de manhã, no Majestoso, a Macaca poderá ter uma novidade em relação ao time da rodada passada. O lateral-esquerdo Orinho, que veio de empréstimo do Santos, pode aparecer entre os titulares.

Neste caso, Jeferson, que vinha jogando pela esquerda, será descolado para o lado direito, que é sua posição de origem. Assim, Emerson fica como opção no banco.

Nas demais posições, o goleiro Ivan está mantido, assim como a dupla de zaga com Luan Peres e Renan Fonseca. O meio-campo continua com Tiago Real, Marciel e Leo Artur, enquanto o ataque será formado pelo trio Felipe Saraiva, Felippe Cardoso e Silvinho. A Macaca venceu uma e perdeu duas partidas nas três primeiras rodadas do Paulistão.

Escrito por:

Paulo César Dutra Santana