Publicado 26 de Janeiro de 2018 - 17h52

Por Adriana Villar

Beatriz Maineti,

especial Agência Anhanguera

[email protected]

Devido ao acontecimento de dois fenômenos lunares, a Super Lua e a Lua Azul, o Observatório Municipal de Campinas Jean Nicolini permanecerá aberto das 20h à meia noite. Com ingressos custando R$4 e, para os estudantes, R$2, o observatório disponibilizará um dos telescópios com filtro azul, para mostrar que, mesmo na ciência, a licença poética é bem vinda, e aconselha aos visitantes que levem agasalho e um lanche, já que no local não há lanchonete.

De acordo com os técnicos do observatório, a Lua Azul recebe este nome por ser a segunda fase da Lua Cheia no mesmo mês, sendo a primeira em 1º de janeiro, e a segunda, dia 31. Esse fenômeno acontecerá, também, no mês de março. Já a Superlua chama a atenção de muitos pois, nesta ocasião, a Lua está no ponto chamado de perigeu, ou seja, o ponto mais próximo da terra. Ela se apresenta maior e mais brilhante aos observadores.

Escrito por:

Adriana Villar