Publicado 03 de Janeiro de 2018 - 15h30

Por Rafaela Dias

Foto: Leandro Ferreira

Rafaela Dias

da Agência Anhanguera

[email protected]

Uma bobina de aço despencou de um caminhão, na manhã de ontem na Rua Gaspar Leme, no Jardim Santiago, em Hortolândia e invadiu uma residência. A peça caiu do veículo por volta das 10h e acabou atingindo o morador. José da Silva de Paula, de 74 anos ficou ferido e precisou ser socorrido. “Eu estava deitado na rede no quintal jogando caça-palavras. Não ouvi os vizinhos gritando. Percebi pelo barulho da bobina e pela tremida no chão. Quando olhei para trás, ela já estava na esquina. Do jeito que entrou em minha casa foi quebrando tudo e passou por cima de mim. Só sobrevivi porque Deus é bom”, disse o aposentado. “Depois disso vi que no final da rua tinha uma carreta eque a bobina tinha caído dela. Precisei ir para o Pronto-Socorro. Ela cortou meu braço e bateu na cabeça. Tirei raio-X, mas estava tudo bem. Não foi dessa vez”, brincou.

No momento da queda, a bobina atingiu o telhado da residência e fez muito barulho. Os moradores do bairro ficaram apavorados. A vizinha do lado, Paula Vanessa dos Santos Candido, de 42 anos, levou o maior susto. “Foi igual a um barulho de terremoto. A bobina veio rolando e fez até marcas na rua. Dois rapazes que estavam na porta do bar do outro lado da rua perceberam e começaram a gritar. Mas não deu tempo”, disse. “Pensei que o trem tinha descarrilhado, de tão grande que foi o barulho. Corri para a linha e descobri que não era nada disso. Seu Zé sobreviveu por um milagre. Ele nasceu de novo”, contou a auxiliar de creche.

O pai dela, Fernando dos Santos Candido, de 65 anos disse que vários acidentes como esse já aconteceram na rua. “Não foi a primeira vez que aconteceu algo do tipo. Há uns seis meses, um caminhão que carregava chapa tombou naquela subida. Caminhões de cerveja também já tombaram. Quando eu cheguei no bairro estavam asfaltando as ruas. Os moradores reclamaram e a Prefeitura inclinou a subida ainda mais. Motoqueiro roda direto aqui”, disse.

De acordo com a Polícia Militar, tanto o documento do motorista como o do veículo estavam em dia. Antes do meio dia a perícia técnica já havia comparecido ao local para determinar as causas do acidente que até o fechamento desta edição ainda não foram informadas. “Checamos a documentação e a informação que tivemos é que a bobina desprendeu da cinta de segurança e desceu a rua invadindo a casa do morador que se feriu. Agora vamos aguardar. Mas o que impressionou foi o aposentado ter sobrevivido a 13,250 toneladas de peso”, disse a tenente Vanessa Lima de Souza. A transportadora responsável pelo caminhão informou que vai tomar conhecimento do acidente, mas garantiu que vai arcar com todos os prejuízos aos moradores.

Escrito por:

Rafaela Dias