Publicado 26 de Janeiro de 2018 - 8h30

Por AFP

O suíço Roger Federer se classificou para sua 30ª final de Grand Slam após o abandono do sul-coreano Chung Hyeon, que tinha uma bolha em um pé, nesta sexta-feira em Melbourne nas semifinais do Aberto da Austrália.Chung pediu um tempo médico quando perdia o jogo por 6-1 e 4-1, mas desistiu da partida pouco depois, quando o placar marcava 5-2 para o suíço no segundo set.Federer defenderá seu título na final de domingo contra o croata Marin Cilic (N.6). O suíço luta para conquistar seu 20º Grand Slam, o sexto em Melbourne."Acredito que o primeiro set foi normal, depois penso que ele estava afetado pelas bolhas, sei que provocam muita dor", disse o suíço.O primeiro set foi completamente dominado pelo suíço. Federer foi muito agressivo e quebrou o saque do jovem rival (21 anos) logo no primeiro game e fechou a parcial em pouco mais de meia hora.Chung, grande revelação do torneio, se tornou o primeiro sul-coreano a disputar uma semifinal de Grand Slam. Em sua campanha, eliminou o sérvio Novak Djokovic nas oitavas de final e o alemão Alexander Zverev, quarto do ranking ATP, na terceira rodada.A final Federer-Cilic será o 10º confronto entre ambos. O suíço venceu nove, o último no Masters de Londres disputado em novembro e o anterior, a final de Wimbledon, em julho, quando o croata não fez uma grande partida, justamente por uma bolha no pé.O único triunfo de Cilic aconteceu na semifinal do US Open 2014, quando o croata conquistou o seu único título de Grand Slam.Federer é considerado favorito para a final de domingo, mas Cilic já mostrou que tem condições de vencer, como ficou claro na partida de quartas de final contra Rafael Nadal, que abandonou o jogo no quinto set após uma grande batalha."Ele tem potência, se chegou tão longe no torneio é porque se sente bem e acredita nele. Estou muito impaciente", destacou Federer.fbx/pm/fp

Escrito por:

AFP