Publicado 24 de Janeiro de 2018 - 20h50

Por AFP

"Agora quero ser candidato a presidente da República", afirmou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva diante de uma multidão de simpatizantes em São Paulo, após ser condenado nesta quarta-feira (24) a doze anos de prisão por corrupção.Os juízes "sabem que não cometi nenhum crime", declarou Lula, presidente entre 2003 e 2010. "Quero que me peçam desculpas pela quantidade de mentiras que proferem sobre mim há quatro anos", acrescentou.rs-js/yow/mvv

Escrito por:

AFP