Publicado 05 de Janeiro de 2018 - 7h20

Por Estadão Conteúdo

Uma joint venture entre a Copersucar e a BP Biocombustíveis para operar um terminal de armazenagem de etanol em São Paulo foi aprovada ontem pela Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Com a parceria, anunciada no fim de novembro, as duas empresas esperam otimizar a logística de fornecimento de etanol e ampliar a presença comercial no País.

Em operação desde 2014, o Terminal Copersucar de Etanol, em Paulínia, possui 10 tanques, com capacidade total de armazenagem de 180 milhões de litros de combustível e de movimentação de 2,3 bilhões de litros por ano, com possibilidade de ampliação. Até agora, o terminal vinha sendo gerido só pela Copersucar, integrada por mais de 20 grupos sucroalcooleiros do Brasil. Além dos novos acionistas, o terminal continuará prestando serviços a terceiros. As informações são da agência Reuters

Escrito por:

Estadão Conteúdo