Publicado 04 de Dezembro de 2017 - 5h30

Agências bancárias de Americana e Santa Bárbara d’Oeste foram alvo de bandidos neste final de semana. Enquanto em Americana os bandidos furtaram dinheiro entrando no local por um túnel e abrindo os cofres com maçarico, em Santa Bárbara os criminosos renderam pedreiros que faziam manutenção no banco para conseguirem entrar. Durante a madrugada, criminosos utilizaram um túnel para terem acesso à agência do Banco do Brasil, no Centro de Americana. Segundo informações da Polícia Militar (PM), o bando usou um maçarico para abrir os cofres e levar o dinheiro. A quantia não foi informada até o fechamento desta edição. A denúncia chegou à PM pela gerente do estabelecimento, que foi informada no sábado à noite pela empresa de monitoramento responsável pelo local que desde as 22h já não havia imagens da agência. Quando os policiais chegaram ao local, encontraram o túnel e os cofres sem o dinheiro.Já em Santa Bárbara d’Oeste, foi a agência do Banco Mercantil, na Rua XV de Novemnro, no Centro, que foi assaltada, por volta de 16h30 de ontem. A PM relata que uma viatura estava patrulhando quando um homem informou que estava ocorrendo um roubo no local. Quando os policiais chegaram ao banco, tiveram que pedir apoio a outras equipes porque os criminosos mantinham como reféns seis funcionários da manutenção, que faziam reparos no prédio, e o vigia, que teve a arma roubada pelo bando. Para entrar no estabelecimento, os ladrões renderam os servidores, ameaçando-os com uma arma.A PM cercou o banco e negociou rapidamente com os criminosos, que se renderam e liberaram os reféns. Os indivíduos presos foram identificados como Alexandre Rubens Casemiro, Alexandre Rogério Pin e Douglas da Silva Viana, que já é procurado pela Justiça.Um suposto integrante da quadrilha teria fugido do local em um Volkswagen/Gol branco e não foi alcançado pelos policiais. A arma do vigilante foi recuperada e o revólver que os bandidos usaram para render as vítimas foi apreendido.