Publicado 19 de Julho de 2016 - 22h39

Por Inaê Miranda

FOTOS:

Inaê Miranda

DA AGÊNCIA ANHANGUERA

[email protected]

Ao menos duas pessoas ficaram feridas durante uma briga entre torcedores da Ponte Preta e do São Paulo, na região Central de Campinas, por volta das 20h30 de ontem. Segundo relataram testemunhas, eram cerca de 50 pessoas armadas com barras de pau e de ferro. Os grupos chegaram de direções opostas. Segundo informações da Guarda Municipal (GM), a briga começou na Rua Boeventura do Amaral, altura da Praça Carlos Gomes, e seguiram brigando pela Avenida Anchieta. Assustados, alguns motoristas tentaram desviar da briga dando ré e voltando pela contramão. “Tinhas umas 50 pessoas. Eles vieram de pontos diferentes com barras de ferro e começaram a gritar e se agredir, dispararam rojões, muitos apanharam na cabeça”, contou Danilo César, que aguardava o ônibus no ponto. “Eu fiquei parado, sem reação, porque se corresse ia apanhar e também não dava para ajudar”, disse. Na calçada da Avenida Anchieta, havia muitas marcas de sangue espalhadas pelo chão.

Os guardas Luciano Valmobida e Marcos Bigettti, que faziam patrulhamento na região, e foram acionados para a ocorrência via rede da GM, pois a briga foi registrada pelas câmeras da Central Integrada de Monitoramento de Campinas (CIMCamp). Foram acionadas oito viaturas da GM e pelo menos quatro da Polícia Militar. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e o Resgate do Corpo de Bombeiros foram acionados para o resgate das vítimas. Uma delas foi identificada como Luís Felipe Guimarães, de 18 anos. Ele sofreu fratura no braço esquerdo, corte na cabeça e foi socorrido consciente e orientado ao Hospital Ouro Verde. A outra vítima socorrida para a Unidade de Pronto Atendimento do Centro não foi identificado. Há informações de outras pessoas feridas, socorridas em carros particulares, de integrantes das torcidas. Suspeitos de participarem do tumulto foram averiguados e liberados, porque, segundo a corporação, não houve flagrante e não foi comprovado que eles estavam na briga. As barras de ferro foram recolhidas. Em diversos pontos da região Central a PM e a GM fizeram abordagem na busca de suspeitos.

A briga ocorreu durante o jogo da Ponte Preta e do São Paulo, no Estádio Moisés Lucarelli que disputavam o Campeonato Brasileiro sub-20.

Escrito por:

Inaê Miranda