Publicado 18 de Julho de 2016 - 17h11

Por Adagoberto F. Baptista

Polícia Civil localiza jovem desaparecida em Paulínia

A Polícia Civil de Campinas localizou na manhã desta segunda-feira, 18, em Iracemápolis, a estudante Ketlyn

Gragnanielo Rosalen Garcia, 17, que desapareceu em Paulínia na manhã de sábado, 16, ao sair de casa para fazer um curso de técnico em logística. Os pais da estudante fizeram um BO de desaparecimento na noite de anteontem, quando ela não retornou para casa. No mesmo dia uma equipe do DEAS (Delegacia Anti-Sequestro) de Campinas foi comunicada sobre o fato.

De acordo com o delegado Kleber Antônio Torquato Altale, a adolescente foi encontrada na casa de um suposto namorado de 26 anos de idade e passa bem. Ela, inclusive, já está sendo trazida de volta para Campinas onde irá prestar esclarecimentos.

Altale afirmou que o paradeiro da estudante foi descoberto pelo investigador Brizola, que conseguiu falar com uma amiga da adolescente que teria dito que ela estaria mantendo um relacionamento com um rapaz de Iracemápolis fornecendo, inclusive, o telefone celular dele. Após pesquisas, a Polícia Civil descobriu que o rapaz é micro-empresário.

"Não se tratou de nenhum sequestro. O que vamos apurar agora é como a garota foi para Iracemápolis, se ele veio buscá-la ou se ela foi sozinha, ou, ainda, se houve a ocorrência de rapto consensual ou não. Estamos instaurando inquérito para investigar o caso", disse o delegado.

Quanto ao suposto namorado da adolescente, ele deverá prestar depoimento em Iracemápolis.

Os pais da garota declararam estar aliviados pelo desfecho positivo do caso e disseram que sempre mantiveram um bom relacionamento com ela.

Escrito por:

Adagoberto F. Baptista