Publicado 13 de Novembro de 2015 - 19h43

Por Adagoberto F. Baptista

Fotos: Leandro Ferreira

Gustavo Abdel

Mega coxinha, coxona, bitela, coxinha monstra são superlativos de uma deliciosa “coxinha” de 1 kg e pesadas 400 gramas de frango com catupiry, que dobrou no último mês o faturamento de um pequeno restaurante em Valinhos. Os 20 centímetros de altura impressionam, e geralmente são necessárias quatro bocas para dar conta. “Até hoje teve só uma pessoa de Campinas que comeu inteira, em quase meia hora”, lembra o proprietário do Tempero de Casa, Weslhen Ricardo de Lima, de 26 anos. Ele e a mãe Luci Lima, de 50, estão com o sorriso do tamanho da mega coxinha, tanto é sucesso que o alimento tem feito na região.

Faz um mês e dez dias que o restaurante ganhou uma nova placa na frente: “1ª Mega Coxinha de Valinhos”. “Já coloquei assim para que sejamos os primeiros na cidade”, contou Lima. Mesmo que não seja novidade, em Valinhos sim, não tinha nenhuma concorrência. E via redes social, boca a boca, a casa vai ficando lotada, principalmente a partir das 18h. “Até hoje já vendemos 350 mega coxinhas. E já penso em colocar nos sabores vegetariano e de carne seca”, adiantou. Uma mega coxinha custa R$ 19,90.

Por enquanto, a mistura catupiry e frango foi a que deu certo, e a mais saborosa. “Precisamos contratar uma salgadeira para podermos dar conta da demanda. Na última sexta-feira, vendemos todas as 70 que tínhamos preparado, e faltaram pelo menos mais umas 40”, lembra Luci. Para hoje, sábado, a salgadeira Edilene vai preparar 150, sendo que 50 delas vão ficar de reserva para “emergência”.

Antes de divulgar a novidade, o restaurante recebia em média 20 pessoas. Hoje são mais de 50. A coxona levou ontem os amigos Rodrigo César e Bruno Nunes, ambos de 36 anos, que viram nas redes sociais e resolveram levar três de uma vez. “Vamos comer em três pessoas”, disse Rodrigo. Breno estava convicto de que comeria uma inteira. “Dou conta, sim, fácil”, desafiou a gigante. Depois da intensa divulgação promovida por Weslhen na internet, pessoas de Indaiatuba, Campinas, Vinhedo já foram provar. “Temos duas reservadas para uma mulher grávida de Itatiba. Ela viu e ficou com desejo”, contou Luci.

O restaurante fica na Avenida Presidente Tancredo Neves, no número 115, no bairro Parque das Colinas. Abre na sexta das 18h às 23h30 e no sábado das 18h às 22h. Também abre para almoço de segunda a sábado, das 10h30 às 14h30. O telefone é o (19) 3871-3017.

Escrito por:

Adagoberto F. Baptista