Publicado 11 de Novembro de 2015 - 16h37

Por Alenita de Jesus

ÍíCampinas

Um motorista de um caminhão guincho perdeu o controle do veículo, bateu na barreira de concreto da pista e com o impacto, o carro que estava em cima caiu na pista, no início da manhã de ontem, na Rodovia Dom Pedro I, em Campinas. Ninguém se feriu e veículos que passavam pela via não foram atingidos. Com o acidente houve lentidão de três quilômetros. A pista da direita ficou bloqueada durante uma hora.

De acordo com a Rota das Bandeiras, concessionária que administra a rodovia, o acidente aconteceu por volta das 6h25, no km 133, sentido Jacareí. O carro foi retirado por volta das 7h15, mas o caminhão ficou cerca de uma hora bloqueando a faixa até a remoção.

Por volta das 7h20 as pistas estavam todas liberadas, mas o trânsito na rodovia continuou lento até às 8h30, por conta do reflexo do acidente e do volume de carros no horário de pico.

Um ajudante geral de 24 anos foi preso após tentar furtar um vestido de uma loja no bairro Cambuí, em Campinas, ontem de madrugada. Wilton Dias Ferreira Costa estava com a namorada, uma doméstica de 38 anos, que também foi presa.

Segundo a polícia, o casal quebrou a vitrine de uma loja na Rua Dona Josefina Sarmento com um paralelepípedo e tentou arrancar um short saia avaliado em R$ 139 que estava em um manequim, mas como a peça enroscou, eles correram sem levar nada.

Segundo a dona da loja, a peça chegou a rasgar.

O casal foi pego pela Polícia Militar (PM) na esquina da rua Maria Monteiro com Américo Brasiliense. Os suspeitos, que são moradores de rua, confessaram o crime.

Um mecânico de 42 anos foi vítima de dois crimes em um intervalo de 30 minutos, anteontem à noite, no Jardim do Trevo, em Campinas. Primeiro ele teve sua moto, uma XRE300 furtada em um posto de combustíveis e logo depois foi abordado por outros criminosos que tentaram roubar o carro da família, que foi socorrê-lo. A moto foi encontrada em uma casa no Jardim Bandeira I.

A vítima faz curso próximo ao posto e quando voltou cerca de duas horas depois para pegar a moto descobriu que bandidos a tinham levado. Ele acionou o serviço de rastreamento e ligou para a mulher e o filho, que foram buscá-lo.

Quando saiam do posto depararam com um assalto a um motorista que estava em um Astra, logo a frente. Como não conseguiram, os dois criminosos, armados de estilete e pedras, foram em direção da família. Houve luta corporal e os bandidos fugiram. O filho da vítima sofreu lesões no rosto, mas passa bem.

A moto foi recuperada durante patrulhamento de policiais pela Avenida Engenheiro Márcio Duarte Ribeiro. O veículo estava na garagem de uma casa. O ajudante Railan Araújo Azevedo da Silva Reis, de 19 anos, foi detido e confessou o furto.

Bandidos se passaram por policiais e furtaram um bracelete de ouro avaliado em R$ 20 mil de um dono de um centro espírita, anteontem pela manhã, na Vila Itapura, em Campinas. A joia estava em um quarto da casa onde mora a vítima. Segundo consta no boletim de ocorrência, antes de entrarem no imóvel, dois homens desconhecidos abordaram um funcionário da vítima que distribuía panfleto em um semáforo, se apresentaram como policiais e depois tentaram atropelar. A dupla ainda fez ameaças de morte contra o dono do centro espírita.

Algumas horas depois, os mesmos homens foram até a casa onde também funciona o centro espírita e, sem que o funcionário percebesse, foram até o quarto onde estava o bracelete. A vítima só percebeu o furto quando foi procurar a joia e não a achou.

Escrito por:

Alenita de Jesus