Publicado 15 de Novembro de 2015 - 8h02

Por Daniela Nucci

A top angolana Maria Borges estava radiante no desfile

FrancePress

A top angolana Maria Borges estava radiante no desfile

Mais uma vez, a grife Victoria’s Secret chamou a atenção do mundo com o seu aguardado e badalado desfile anual. O evento ocorreu na semana passada em Nova York, nos Estados Unidos, e contou com várias modelos brasileiras que se destacaram na passarela. Além de Adriana Lima, Alessandra Ambrósio e Izabel Goulart, o evento também trouxe a elegância de Laís Ribeiro e a estreante Flávia Lucini. Kendall Jenner, modelo e irmã da socialite Kim Kardashian, desfilou pela primeira vez para a marca de lingeries, assim como a top norte-americana Gigi Hadid, um dos principais nomes das passarelas e editoriais no momento.

Neste ano, a responsável por apresentar ao público o sutiã milionário Fantasy Bra, a lingerie mais poderosa do desfile, foi a modelo norte-americana Lily Aldridge. A peça, criada pelo joalheiro Mouawad, está avaliada em US$ 2 milhões (aproximadamente R$ 7,7 milhões) e tem mais de 6,5 mil pedras preciosas entre diamantes, topázios, safiras amarelas e quartzos-rosa em uma estrutura de ouro 18 quilates. Ano passado, as brasileiras Adriana Lima e Alessandra Ambrósio usaram a lingerie.

Outras que reinaram na passarela com corpos esculturais foram as modelos angolana Maria Borges e a sul-africana Candice Swanepoel. Para animar a 20a edição do fashion show, os cantores The Weeknd, Ellie Goulding e Selena Gomez fizeram performances exclusivas.

 

Escrito por:

Daniela Nucci