Publicado 12 de Novembro de 2015 - 17h55

Por Agência Estado

Stephen Curry, do Golden State Warriors, foi o cestinha da partida, com 28 pontos

France Press

Stephen Curry, do Golden State Warriors, foi o cestinha da partida, com 28 pontos

Atual campeão da NBA, o Golden State Warriors voltou a fazer história ao vencer o Memphis Grizzlies por 100 a 84, fora de casa, pela rodada de quarta-feira (11) da liga de basquete dos Estados Unidos. Foi o nono triunfo da equipe em nove jogos na temporada regular, fato que fez o time de Oakland igualar o melhor início de campanha de sua história na competição, obtido anteriormente na temporada 1960/1961, quando a franquia se chamava Philadelphia Warriors.

Assim, o Warriors segue despontando como favorito ao título desta temporada 2015/2016, embalado principalmente por Stephen Curry, nome principal da campanha anterior da equipe na NBA, que diante do Grizzlies se destacou como cestinha da partida, com 28 pontos.

O astro ainda ajudou a sua equipe com cinco rebotes e cinco assistências, enquanto o brasileiro Leandrinho esteve em quadra pelo Warriors por quase 14 minutos, nos quais contabilizou apenas quatro pontos, mas fez quatro assistências.

Curry, por sua vez, voltou a brilhar com lindas cestas de três pontos, sendo uma delas de quase do meio da quadra no estouro do cronômetro no final do terceiro quarto, fato que acabou sendo um balde de água fria na cabeça da equipe da casa, que não teve forças para reagir no período derradeiro do duelo. Derrotado, o Grizzlies teve como principal destaque o espanhol Marc Gasol, com 26 pontos.

Com o triunfo, o Warriors segue disparado na ponta da Conferência Oeste, com suas nove vitórias em nove jogos, enquanto o Grizzlies amargou sua sexta derrota em nove partidas, retrospecto que o deixa apenas em 12º na mesma conferência.

Em segundo lugar na Conferência Oeste está o San Antonio Spurs, que em outro jogo da rodada de quarta superou o Portland Trail Blazers por 113 a 101, fora de casa, e assim passou a contabilizar seis triunfos em oito partidas disputadas.

LaMarcus Aldridge e Kawhi Leonard, respectivamente com 23 e 20 pontos, lideraram o triunfo do Spurs, que assim deixaram o Blazers na décima posição da mesma conferência, com quatro vitórias em nove partidas.

DALLAS VENCE E VAIA DEANDRE JORDAN - Depois de ver fracassar na última hora a sua tentativa de contratar DeAndre Jordan, que resolveu permanecer no Los Angeles Clippers, o Dallas Mavericks acabou batendo a equipe da Califórnia por 118 a 108, em casa, em um jogo marcado pela perseguição ao jogador que poderia ter ido para o time do Texas antes de começar esta temporada.

Vaiado sempre que pegava na bola, Jordan teve atuação discreta, com nove pontos em nove rebotes, assim como errou seis dos seis lances livres que chutou. Já o astro da equipe da casa, o alemão Dirk Nowitzki, acabou sendo decisivo com 31 pontos, sendo que acertou 11 de 14 arremessos de quadra. Essa foi, por sinal, a primeira vez que o astro passou a marca de 30 pontos nesta temporada, após oito jogos disputados.

SPLITTER DISCRETO - O brasileiro Tiago Splitter esteve em quadra nesta rodada de quarta pelo New Orleans Pelicans e acabou tendo uma atuação discreta na derrota por 106 a 98 para o Atlanta Hawks, fora de casa. Ele atuou por 18 minutos e fez apenas oito pontos, pegou três rebotes e deu uma assistência.

A rodada desta quarta também marcou a primeira vitória do Brooklyn Nets nesta temporada da NBA, após ter amargado sete derrotas seguidas. Mesmo atuando fora de casa, a equipe superou o Houston Rockets por 106 a 98. Já o Philadelphia 76ers, lanterna geral da competição, amargou a oitava rodada em oito jogos ao cair por 119 a 103 diante do Toronto Raptors, em casa.

Escrito por:

Agência Estado