Publicado 14 de Novembro de 2015 - 5h00

Por Milene Moreto

Tem vereador em Campinas bem irritado com o comportamento de seus colegas, que apresentam propostas sem sentido e colocam a Casa num condição negativa e de péssimo reputação. A eleição é ano que vem. Um pequeno grupo quer mostrar que destoa dos demais e é capaz de produzir leis interessantes para a cidade, fiscalizar o Executivo e ajudar a resolver problemas na área da Saúde, Educação e Segurança Pública, o que vem dando dor cabeça aos campineiros.

Tem coisa boa?

Até que tem pauta boa na Câmara e vereadores empenhados em buscar soluções para os problemas mais graves da cidade. Acontece que esses são minoria. Prova disso é que as propostas bizarras na Casa passam sem problema algum pelo plenário. O fato de um grupo propor pautas ruins não é novidade. O duro mesmo é a maioria que aceita ou deixa as reuniões para não criar confusão com seus colegas, ou só para não tomar partido mesmo.

Frase

Nós vamos providenciar um local para que o filme possa ser exibido em Campinas. (Do vereador Paulo Bufalo (PSOL) sobre a polêmica criada pelo vereador Vinicius Gratti (PSD) que pretende proibir a divulgação do filme Olmo e a Gaivota).

Vamos fazer

A polêmica na Câmara agora envolve o vereador Vinicius Gratti (PSD). Ele quer que o Ministério da Cultura censure o vídeo de divulgação do filme Olmo e a Gaivota. O assunto ganhou as redes sociais e já é de conhecimento da diretora. Em conversa no Twitter com o vereador Paulo Bufalo e outros internautas, Petra Costa gostou da ideia de promover uma sessão pública do filme em Campinas.

Vamos procurar

Bufalo, por sua vez, está disposto a buscar um lugar para fazer tornar isso possível.

Mudanças

A mudança na rede de ensino no Estado de São Paulo continua causando polêmica, protestos e revolta. Uma das questões é a distância que os alunos vão percorrer para chegar até a escola.

Um exemplo

Um dos casos relatados é o de uma estudante do período noturno da Escola Carlos Gomes. Ela foi informada que terá aulas a partir do próximo ano, no Taquaral. Com a modificação, ela não sabe se conseguirá continuar os estudos por causa da distância de sua casa.

Muitos exemplos

Ela não é a única. Relatou a situação de vários estudantes na mesma condição. A pergunta que fica é? Daria para planejar melhor? Talvez sim, se a coisa não fosse feita na correria.

Outro lado

A Secretaria de Educação do Estado não concorda. Informou a esta coluna que a reorganização foi discutida amplamente com a comunidade escolar.

Argumento

Ainda em nota, a secretaria usa como argumento a separação das crianças dos adolescentes “os professores poderão concentrar suas aulas em escolas que atendam a um único público”, informou a secretaria.

Dia de explicar

Bom, quem tiver interesse em saber o que o Estado planeja para as escolas poderá receber atendimento hoje nas unidades de ensino. A explicação ocorre depois que a decisão foi tomada. Para o governador Geraldo Alckmin (PSDB) ela é irreversível.

Encontros

O PDT e o PCdoB terão hoje reuniões do partido. Os pedetistas participam de um encontro regional com a a presença de líderes nacionais da legenda. Segundo o presidente da sigla em Campinas, o prefeito cassado Hélio de Oliveira Santos, o objetivo é reorganizar o PDT no Estado de São Paulo. O encontro é no Hotel Vila Rica e começa às 10h. Já o PCdoB faz sua conferência no plenário da Câmara de Campinas, às 9h para discutir as diretrizes do partido. A eleição de 2016 será abordada no debate.

Escrito por:

Milene Moreto