Publicado 10 de Outubro de 2015 - 12h14

Por Adagoberto F. Baptista

Duas pessoas foram multadas ontem em uma operação de fiscalização da Lei Seca comandada pelo Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) em Americana. Os condutores foram autuados por embriaguez ao volante, terão que desembolsar R$ 1,9 mil, além de responder a um processo administrativo junto ao órgão que pode terminar com a suspensão do direito de dirigir por 12 meses

Um dos motoristas também responderá na Justiça por crime de trânsito. O teste do bafômetro feito com ele apresentou índice a partir de 0,34 miligramas de álcool por litro de ar expelido. Caso seja condenado, ele pode ter que cumprir de seis meses a três anos de prisão, conforme prevê a legislação.

A blitz aconteceu na Avenida Brasil e terminou a aplicação, no total, de 63 testes. De acordo com o Detran-SP, a operação fez parte do Programa Direção Segura, lançado no Carnaval de 2013, e que integra equipes do departamento, das polícias Militar, Civil e Técnico-Científica, além do Corpo de Bombeiros. A Lei Seca estabelece que todos os motoristas flagrados nas fiscalizações têm direito a ampla defesa, até que a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) seja suspensa. Se o motorista voltar a cometer a infração durante o processo administrativo, o valor da penalidade aplicada é dobrada.

Escrito por:

Adagoberto F. Baptista