Publicado 14 de Outubro de 2015 - 17h26

Vice-campeão em Pequim no último domingo, Rafael Nadal sofreu muito para confirmar favoritismo nesta quarta-feira em sua estreia no Masters 1000 de Xangai. O tenista espanhol precisou de 2h43min em quadra para derrotar o croata Ivo Karlovic por 2 sets a 1, com parciais de 7/5, 6/7 (4/7) e 7/6 (7/4), e assim assegurou classificação às oitavas de final da competição chinesa realizada em quadras duras.

O próximo rival de Nadal será o canadense Milos Raonic, nono cabeça de chave, que sofreu muito superar o espanhol Roberto Bautista Agut por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 6/7 (3/7) e 7/6 (7/5), em uma partida na qual chegou a salvar um match point na última parcial.

Diante do veterano Karlovic, especialista no saque e que aos 36 anos de idade hoje ocupa a 21ª posição no ranking da ATP, Nadal só conseguiu mostrar maior superioridade no primeiro set, quando aproveitou duas de quatro chances de quebrar o serviço do croata que converteu o único break point cedido pelo espanhol na parcial.

Já nos dois últimos sets, Nadal não conseguiu ameaçar o saque de Karlovic por nenhuma vez e isso o obrigou a jogar dois tie-breaks. E o espanhol só conseguiu ir ao desempate na segunda parcial após salvar três break points. Sem nada a perder, Karlovic foi melhor no primeiro tie-break e fechou o segundo set em 7/4.

Na terceira parcial, por sua vez, os dois tenistas confirmaram os seus saques sem oferecer nenhuma chance de quebra e foram para novo desempate em um confronto cujo resultado final se desenhava como imprevisível naquele momento. Mas desta vez Nadal soube conter o jogo de saque-voleio do croata com belas passadas e devolveu o 7/4 do tie-break anterior para liquidar a partida.

Após o jogo, Nadal chegou a saltar para comemorar de forma efusiva o seu triunfo. E a empolgação não era para menos, pois o espanhol sabia que uma derrota seria muito ruim para ele neste momento em que luta para recuperar o seu melhor tênis e no qual está na briga direta para garantir vaga no ATP Finals, torneio que reunirá os oito melhores tenistas da temporada, entre 15 e 22 de novembro, em Londres.

Essa foi a quinta vitória de Nadal em cinco jogos com Karlovic, que nas outras quatro partidas com o adversário também vendeu caro as derrotas e sempre ganhando um set do ex-líder do ranking mundial e atual sétimo colocado da ATP.

Em outro duelo encerrado no final da programação do dia em Xangai, o espanhol Feliciano López se garantiu como rival do sérvio Novak Djokovic, líder do ranking mundial, nas oitavas de final da competição. Ele avançou ao bater o austríaco Dominic Thiem por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 6/7 (4/7), 7/6 (8/6) e 6/3. Horas mais cedo, Djokovic estreou em Xangai arrasando o eslovaco Martin Klizan por 6/2 e 6/1.