Publicado 10 de Outubro de 2015 - 5h30

O São Paulo vai ter uma reunião extraordinária do Conselho Deliberativo para avaliar o material colhido pelo ex-vice-presidente de futebol Ataíde Gil Guerreiro contra o presidente do clube, Carlos Miguel Aidar. O encontro deve ser no dia 22 deste mês, quando os membros vão ouvir o áudio gravado em conversa entre os dirigentes e apreciar a moção de desconfiança elaborada contra o mandatário já no fim de setembro. Após brigar com o presidente e deixar o cargo, Ataíde avisou ter provas de irregularidades na gestão, como desvio de verbas em transferências e pagamento de comissão à namorada. Em comunicado ontem, Ataíde afirmou que só vai falar sobre as denúncias nas reuniões do Conselho. Aidar está isolado na cúpula são-paulina. (AE)