Publicado 09 de Setembro de 2015 - 18h10

Por Delminda Aparecida Medeiros

Cartas à Madame Satã

Criado a partir de entrevistas com pessoas na cidade de São Paulo, o espetáculo Cartas à Madame Satã Ou Me Desespero Sem Notícias Suas, da Cia. Os Crespos, faz apresentação única hoje no Sesc Camnpinas. Ambientada num quarto, a peça mostra o ator Sidney Santiago contando a história de um homem negro e homossexual, correspondente a figura mítica de Madame Satã, transformista e personagem emblemático da vida noturna carioca na década de 1930. Os vídeos coletados na pesquisa ganham cena na peça enquanto o ator se corresponde com Madame Satã. Os fragmentos dessas histórias se transformam em cartas, trajetórias e casos de amor de um jovem apaixonado sob cárcere privado. O espetáculo busca a cumplicidade do espectador para tornar pública esta afetividade cercada de tabus. A Cia. Os Crespos, formada por atores negros, é um coletivo teatral de pesquisa cênica e audiovisual, debates e intervenções públicas. A companhia foi criada por atores formados Escola de Arte Dramática da Universidade São Paulo (EAD/ECA/USP) e está em atividade desde 2005, na construção de um discurso poético que debata a sociabilidade do indivíduo negro na sociedade contemporânea e seus desdobramentos históricos. Hoje (11), às 20h, no Sesc Campinas (Rua D. José I, 270/333, Bonfim, fone: 3737-1500). Ingressos: de R$ 5,00 a R$ 17,00. (AAN)

Escrito por:

Delminda Aparecida Medeiros