Publicado 06 de Setembro de 2015 - 10h09

Por Agência Estado

Ricardo Oliveira perdeu pênalti, mas fez dois: artilheiro do Brasileirão com 14 gols

Ricardo Saibun/AE

Ricardo Oliveira perdeu pênalti, mas fez dois: artilheiro do Brasileirão com 14 gols

Antes considerado por muitos um sonho impossível, o G4 passou a ser um objetivo próximo de ser alcançado pelo Santos. Invicto há oito rodadas, a equipe enfrenta o Sport, neste domingo, às 18h30 no estádio da Ilha Retiro, no Recife, pela 23.ª rodada, em busca de mais uma vitória para entrar de vez no bloco dos líderes do Campeonato Brasileiro.

A equipe vive grande fase e ganhou seus últimos jogos: três pelo Nacional e dois, contra o Corinthians, nas oitavas de final da Copa do Brasil. Para manter o embalo, conta neste domingo com a volta de Gabriel. O atacante não participou das vitórias sobre Cruzeiro e Chapecoense devido a uma lesão na coxa direita sofrida no segundo jogo contra o Corinthians.

O técnico Dorival Junior também aposta alto no poder de fogo de Ricardo Oliveira, artilheiro do Brasileirão com 14 gols. Geuvânio, com uma lesão na coxa direita, é desfalque. O atacante será substituído por Neto Berola, que vinha atuando no lugar de Gabriel. “Temos de continuar ganhando. Estamos há um tempo sem perder, somando pontos, mas não chegamos ao objetivo ainda. Temos de continuar nessa pegada para conseguir o objetivo: chegar no G4”, afirmou o zagueiro David Braz.

O defensor cita o exemplo do Flamengo, que em 2009 iniciou o campeonato mal, mas depois de uma arrancada no segundo turno ficou o título. “Espero que possa acontecer novamente. É difícil mas não impossível”, lembrou o zagueiro, que participou daquela campanha.

Escrito por:

Agência Estado