Publicado 07 de Setembro de 2015 - 21h55

Por Paulo Santana

O Operário garantiu sua classificação para as oitavas de final

Elcio Alves

O Operário garantiu sua classificação para as oitavas de final

Em sua estreia em uma competição de nível nacional, o Red Bull se despediu da Série D do Campeonato Brasileiro com duas vitórias, dois empates e quatro derrotas. O Operário, de Ponta Grossa-PR, venceu por 2 a 1, nesta segunda (7) à tarde, no Moisés Lucarelli, eliminou o Toro Loko e garantiu sua classificação para as oitavas de final.

O uruguaio Juan Sosa abriu o placar no primeiro tempo, Julinho ampliou no final do segundo e Anderson Marques fez o gol de honra para o Toro Loko.

Além do Operário, que é o atual campeão paranaense, o Ypiranga-RS também se classificou pelo Grupo A7. A rodada final, domingo, servirá apenas para definir o campeão e o vice da chave, que avançarão rumo ao sonho do acesso para a Série C.

O time gaúcho joga em Lages-SC com o Internacional e o Operário recebe o Resende-RJ. O Red Bull, que já fez todos seus jogos, folga na rodada de despedida.

No jogo, o time campineiro começou assustando. Aos 11', Gerson aproveitou cruzamento e cabeceou com perigo. Só não marcou porque o goleiro Paulo Sérgio fez defesa espetacular.

O adversário era perigoso nas bolas paradas. E, aos 24', chegou ao seu primeiro gol depois que Rossi bateu falta para dentro da área. O zagueiro Juan Sosa subiu mais que os defensores adversários e colocou no ângulo, sem chances para Juninho: 1 a 0.

O Red Bull voltou para a etapa final pressionando. Aos 9', Wellington bateu escanteio da direita e só não fez gol olímpico porque Paulo Sérgio estava ligado e fez a defesa.

O Operário perdeu chance incrível, aos 31', quando Lúcio Flávio cruzou da direita. O bom jogador Rossi teve o gol aberto para marcar, mas o leve desviou não foi suficiente para jogar a bola para dentro do gol.

Depois de tentar inúmeras vezes e parar sempre nas defesas do bom goleiro Paulo Sérgio, o Red Bull tomou o segundo num contragolpe rápido pela esquerda. O lateral Capa iniciou a jogada e serviu para Julinho, que arrancou em velocidade e tocou no canto: 2 a 0. Anderson Marques descontou nos acréscimos, aos 46'.

Escrito por:

Paulo Santana