Publicado 07 de Setembro de 2015 - 11h19

Um jogador da seleção russa de polo aquático morreu após aparentemente sofrer um ataque cardíaco enquanto treinava em uma piscina. Vladislav Timakov, de 22 anos, estava na Bulgária para a pré-temporada do seu clube, o Sintez Kazan, quando "morreu de repente", no último domingo (6), afirmou a Federação Russa de Polo Aquático.

Timakov estava em um treinamento na piscina quando começou a se afogar, explicou o seu companheiro Ivan Nagaev. Outros jogadores tiraram Timakov da água e um médico prestou os primeiros socorros, mas ele morreu no caminho para o hospital, declarou Nagaev, afirmando acreditar que o seu companheiro tenha sofrido um ataque cardíaco.

Timakov defendeu a Rússia neste ano no Mundial de Esportes Aquáticos de Kazan, tendo marcado um gol em três jogos pela equipe, que acabou sendo eliminada na fase de grupos. Em 2013, ele fez parte da equipe que conquistou a medalha de prata na Universíada.