Publicado 05 de Setembro de 2015 - 14h40

Por France Press

Quatro guerrilheiros das Farc morreram em combate com o exército da Colômbia durante uma operação anti-extorsão , no departamento de Meta (centro), informou, neste sábado (5), a instituição militar.

"Nas últimas horas, quatro membros da Frente 27 das Farc, entre eles 'Flaco Duván', chefe de finanças do grupo armado", disse o exército em comunicado.

Na batalha que ocorreu no meio da operação militar no município de Vista Hermosa, no departamento de Meta, também ficaram feridos três outros guerrilheiros.

As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) mantêm conversações de paz com o governo de Juan Manuel Santos em Cuba desde novembro de 2012, sem que um cessar-fogo bilateral no terreno tenha sido declarado. 

No entanto, desde o último 20 de julho, as Farc adiantam uma trégua unilateral, que o governo respondeu com a suspensão de bombardeios nos acampamentos rebeldes - porém sem diminuir outras operações anti-guerrilha.

A Frente 27 das Farc e, especificamente, o guerrilheiro conhecido como "Flaco Duván", é acusada do sequestro de cinco empreiteiros de petróleo em 2014, inúmeras extorsões e ataques no departamento de Meta.

A Colômbia vive um conflito armado há mais de meio século, do qual participaram, além de guerrilheiros de esquerda, paramilitares de direita, agentes do governo e gangues de drogas, deixando pelo menos 220 mil mortos e mais de seis milhões de deslocados.

Escrito por:

France Press