Publicado 06 de Agosto de 2015 - 17h39

Por Adagoberto F. Baptista

Fwd: correções suite materia titulos de cidadania

De:[email protected] Para:[email protected] Cópia:Cópia oculta:Assunto:Fwd: correções suite materia titulos de cidadaniaData:06/08/2015 17:38

Câmara deve anunciar medidas para reduzir estoque de honrarias

Lauro Sampaio AAN

A Câmara Municipal de Campinas deverá anunciar, dentro dos próximos 30 dias , medidas para agilizar a entrega dos títulos de Cidadania para as pessoas e personalidades que foram agraciadas com as comendas há vários anos e que nunca foram buscá-las. O "esquecimento" gerou um estoque de quase 300 títulos encalhados na Casa. Os números foram alvos de uma matéria, de ampla repercussão, publicada pelo Correio na edição do último dia 27 de julho.

Os estudos, de acordo com a assessoria de imprensa da Casa, foram determinados pelo presidente Rafael Fernando Zimbaldi (PP), e também estão a cargo da Comissão de Honrarias , composta por cinco parlamentares. Medidas como alterações no Regimento Interno ou uma convocação direta para os homenageados estão entre as ações que estão sendo analisadas no momento, e com maiores chances de ser implementadas. Caso o homenageado não demonstre interesse em vir buscar o título, ele teria a honraria revogada, sem maiores polêmicas.

"O objetivo desse estudo é fazer com que seja reduzido o acúmulo de títulos de cidadania e outras honrarias aprovadas pela Casa, mas tudo isso tem que ser feito dentro de muito critério, para que a Câmara não tenha sua imagem afetada e nem os homenageados atingidos, de alguma maneira, em sua honra e intimidade", diz a assessoria.

Ainda de acordo com o setor de comunicação, o Regimento Interno do Legislativo campineiro tem mecanismos que preveem a revogação de títulos de cidadania, que podem até mesmo ser apresentados pelo próprio vereador, autor da homenagem, à Comissão de Honrarias, que depois fica responsável por levar o caso até o plenário. Neste caso, as ações costumam ser adotadas quando o homenageado teve sua honra manchada por algum fato polêmico do cotidiano, como no célebre episódio da prisão do ex-médico cirurgião Roger Abdelmassihm, em 2013, que teve sua comenda "cassada" pela Câmara de Campinas por proposição do então vereador Romeu Santini (PSDB), autor da matéria.

Muitos famosos na lista- Conforme levantamento feito pela reportagem do Correio, a Câmara de Campinas tem um estoque de 284 títulos honoríficos aprovados e nunca entregues. Muitos dessas honrarias, a grande maioria de títulos de Cidadão Campineiro e Emérito, foram aprovadas há mais de 15 anos e nunca os homenageados manifestaram interesse em vir buscá-lo. A cantora Sandy Lima, por exemplo, foi agraciada em 2002 com a comenda de "Cidadã Emérita" e disse, através de sua assessoria de imprensa, que nunca soube do fato.

Além de Sandy, a lista de celebridades é extensa e inclui nomes de peso como dos ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso e Luis Ignácio Lula da Silva, das ex-jogadoras de basquete Magic Paula e Karina Rodrigues, do apresentador Faustão, dos ex-jogadores de futebol Neto e Amoroso, dos ex-governadores do Rio Leonel Brizola e Benedita da Silva, dos ex-governadores de São Paulo Cláudio Lembo e Luis Antônio Fleury Filho, do sociólogo já falecido Betinho, da atriz Irene Revache e do cantor sertanejo Tinoco, já falecido.

Escrito por:

Adagoberto F. Baptista