Publicado 04 de Agosto de 2015 - 5h30

As vendas de veículos em todos os segmentos - automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas, implementos rodoviários e outros - registraram alta de 6,92% em julho na comparação com o mês anterior. De acordo com números divulgados ontem pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), no mês passado foram emplacadas 352.423 unidades contra 329.629 unidades em junho.

Na comparação com o mesmo mês do ano passado, porém, o resultado de julho registrou queda de 19,29% nos emplacamentos. E, mesmo com a alta registrada em julho, no acumulado do ano o segmento já registra queda foi de 17,87% sobre 2014. Nos sete primeiros meses do ano, foram emplacadas 2.405.467 unidades, contra 2.928 868 no mesmo período de 2014.

Os números da Fenabrave mostram também que o segmento de automóveis e comerciais leves cresceu 7,23% em julho sobre junho Foram emplacadas 219.410 unidades, contra 204.613 em junho. Na comparação com julho de 2014, o resultado aponta uma baixa de 21,58%. No acumulado do ano, esse segmento caiu 20,03%. Segundo a entidade, foram comercializadas 1.489.243 unidades de janeiro a julho de 2015, contra 1.862.358 no mesmo período de 2014.

Para o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, o resultado de julho é explicado em parte pelo fato de o mês ter tido 23 dias úteis contra 21 dias no mês anterior. “Porém, vale ressaltar que, na média, em dias úteis, o saldo foi negativo em 2,09% para todos os segmentos. O acumulado do ano também continua negativo e mantemos a nossa posição de que não ocorrerá grande mudança nas vendas de veículos nos próximos meses, mantendo, assim, as nossas projeções, que apontam queda de cerca de 20% para o setor em 2015”, afirmou em nota. (Agência Estado)