Publicado 08 de Agosto de 2015 - 19h05

O musical infantil Pé na Tábua - Pernas Para que te Quero conta com a direção de Gustavo Pires e é encenado por seis atores e bailarinos. Dois deles, Tiago Rodrigues e Luiz Guilherme, de 24 e 23 anos respectivamente, mais do que estarem em cima do palco para levar a iniciativa de Aline Muller a crianças de escolas públicas de Campinas, sabem o que um trabalho como esse pode representar para quem está do outro lado, ali, na plateia. Em 2000, os dois moradores do Jardim São Marcos frequentavam a ONG Associação Beneficente Campineira (ABC) e ingressaram no sapateado graças ao trabalho voluntário do educador e sapateador Luyz Baldijão, que criou os Meninos Sapateadores de Campinas.

“O Luiz, como uma iniciação do projeto social, convidou vários alunos da ABC para assistir a um musical de sapateado sobre o Harry Potter lá no Centro de Convivência. A gente foi, era como um passeio da ONG, e acabamos adorando tudo. Foi a partir daí que a gente começou a fazer as aulas com o Luiz, tudo de graça, e, desde então, fomos atrás de aprender mais para cada dia fazer melhor”, explica Luiz Guilherme. “Quinze anos depois, hoje é a nossa vez de fazer o mesmo. Mas ainda tem algo diferente, porque nós também estamos aprendendo. Até então, a gente só sabia sapateado. Atuar e cantar era o nosso fraco. Só que, com bastante ensaio, com a ajuda do Gustavo Pires, a gente conseguiu fazer um trabalho legal. É uma superação.”

O projeto Meninos Sapateadores de Campinas continua em funcionamento, aberto para as pessoas do Jardim São Marcos. “Quem diria que tanto depois de ver um teatro, eu estaria aqui, do outro lado. Quem sabe essas crianças não procuram trabalhos sociais em seus bairros para seguir como a gente. Isso só mostra a importância do trabalhos de pessoas como o Luiz e a Aline”, finaliza Tiago. (Fábio Trindade/Da Agência Anhanguera)