Publicado 05 de Agosto de 2015 - 19h05

A combinação inusitada e as possibilidades sonoras do encontro entre violoncelo e cravo poderão ser apreciadas na apresentação do duo Romain Garioud (violoncelista francês) e Fernando Cordella (cravista brasileiro) hoje no Sesc-Campinas. O recital, uma parceria entre o Sesc-Campinas e a Aliança Francesa de Campinas, faz parte das comemorações pelos 130 anos de Aliança Francesa no Brasil. Autores de obras brilhantes tanto no plano harmônico quanto na utilização dos dois instrumentos, os músicos, com carreira internacional, dedicam seu talento a explorar a liberdade e a fantasia no programa Luz e Transcendência, que traz um repertório composto por obras de Bach, Boccherini e Gregorutti. Garioud pertence à jovem geração francesa de violoncelistas e já recebeu vários prêmios internacionais, como o 12 Concurso Internacional Tchaikovsky (Moscou), 7 Concurso Internacional Rostropovitch (França), e Concurso Internacional de Vina del Mar (Chile). Foi ainda premiado por unanimidade como violoncelista no Conservatório Nacional Superior de Música de Paris. Cordella é diretor artístico da Confraria Música Antiga StudioClio e da Sociedade Bach Porto Alegre, maestro e diretor artístico da Orquestra Sinfônica de Carazinho (RS). (Delma Medeiros/Da Agência Anhanguera)