Publicado 09 de Agosto de 2015 - 5h30

São Paulo e Corinthians se enfrentam pela quarta vez em 2015, hoje, às 16h, no Estádio do Morumbi, na Capital paulista, desta vez pela 17 rodada do Campeonato Brasileiro. Se no primeiro semestre a Copa Libertadores tratou de elevar a temperatura do clássico — até mesmo quando se enfrentaram pela primeira fase do Campeonato Paulista —, o que move as duas equipe nesta tarde é o desafio de se autoafirmar na competição nacional.

Dois rivais insatisfeitos por retrospectos recentes em clássicos se enfrentam para tentar se autoafirmar na tabela do Brasileirão. O jogo é de importância estratégica para terminar o primeiro turno em alta e se manter nas posições de cima.

Será o quarto confronto entre os times no ano e mais uma vez o Corinthians chega com campanha melhor. Apesar disso, no Brasileirão ambos precisam construir algo relevante em um clássico para caminharem com mais confiança.

O Tricolor ainda se orgulha da boa vitória sobre o rival pela Libertadores, mas nem isso e nem a vitória sobre o Santos pelo Brasileirão são capazes de amenizar o vexame da goleada para o Palmeiras por 4 a 0, no Allianz Parque.

Do lado do Timão, ir além da vice-liderança no Brasileirão depende de acabar com o jejum de cinco clássicos seguidos sem ganhar. A última vitória, aliás, foi contra o São Paulo, pelo Paulistão.

“O jogo é decisivo para a confiança de todos. Em um torneio tão longo, começar a ter uma sequência de bons resultados muda a sua classificação”, explicou o técnico do São Paulo, Juan Carlos Osorio. O colombiano já projeta a chance de arrancar nas duas próximas rodadas, quando encara Figueirense e Goiás, dois times que lutam contra o rebaixamento.

O treinador teve 10 dias para preparar o time e contou ter se cobrado bastante para transformar esse recesso em evolução. Osorio fez quatro dias de treinos fechados e vai apostar no apoio dos dois laterais e na movimentação de Centurión para superar a melhor defesa do campeonato. “Vejo o jogo como uma oportunidade. Vamos competir contra um grande time, uma grande defesa e um ótimo treinador”, comentou.

A liberação para Luis Fabiano jogar diminui a preocupação com o ataque, que já não vai ter Alexandre Pato. Do lado do Corinthians, Luciano ganhou a vaga de Vagner Love por deficiência técnica do companheiro. Love foi titular nos últimos nove jogos da equipe, mas não conseguiu aproveitar a sequência e já amarga seis partidas sem marcar. Até nos treinos Love vinha mal. (Da Agência Estado)

SÃO PAULO

Rogério Ceni; Bruno, Rafael Toloi, Luiz Eduardo e Carlinhos; Lucão, Hudson, Michel Bastos e Ganso; Centurión e Luis Fabiano. Técnico: Juan Carlos Osorio.

Renato Augusto treina e está garantido

Após passar a semana como dúvida do Corinthians para o clássico contra o São Paulo,

o meia Renato Augusto treinou bem ontem e foi relacionado pelo técnico Tite para a partida. Segundo o site oficial da equipe, o meia atuou de forma constante durante o treinamento e por isso entrou na lista de atletas que o treinador relacionou para o duelo contra o rival da Capital. Renato Augusto foi dúvida durante a semana por ter apresentado uma severa inflamação no nervo ciático. O atleta foi poupado de algumas atividades durante a semana para realizar tratamento específico. Contudo, o repouso funcionou, o jogador foi liberado pelo departamento médico e está confirmado na equipe titular. Outra novidade é a presença do volante Cristian no banco, que se recuperou de lesão na panturrilha direita. Para o 310 clássico contra o São Paulo na história, Tite tem uma única dúvida entre os 11 que iniciarão a partida após o treinamento de ontem. E o indefinição está no gol. Cássio, com amidalite, concentra até o confronto, mas só saberá hoje se vai atuar. Caso não tenha condições, Walter assume a meta do Corinthians. Cássio desfalcou o Timão na vitória por 3 a 0 sobre o Vasco por causa de uma tendinite na coxa esquerda, mas se recuperou. Além desta possível alteração, a novidade da equipe de Tite para o duelo fica por conta de Luciano, atacante que, após boas atuações, ganhou uma oportunidade para começar jogando no Morumbi. (AE)

Osorio conta com uma série de novidades

Com a presença de Luis Fabiano e uma série de novidades no treino de ontem, o último antes do clássico contra o Corinthians, o técnico colombiano Juan Carlos Osorio relacionou 19 jogadores para o duelo, entre eles Bruno, Wesley e Carlinhos, que podem voltar ao time. No caso do atacante, o São Paulo conseguiu um efeito suspensivo junto ao STJD até ser marcado um novo julgamento no Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva. O centroavante havia recebido dois jogos de suspensão pelo cartão vermelho contra o Sport no dia 19 de julho, na Arena Pernambuco, e já cumpriu uma partida — diante do Cruzeiro. Além de sua volta, a lista de boas notícias na equipe do Morumbi para o clássico traz o retorno de alguns atletas importantes na estrutura da equipe. O lateral-direito Bruno está recuperado de um entorse no tornozelo esquerdo, enquanto que o ala esquerda Carlinhos está novamente à disposição após se recuperar de um desconforto muscular no adutor da coxa esquerda. Já Wesley, que sofreu trauma na região lombar, foi liberado pelo Departamento Médico após reunir condições de atuar no gramado com o elenco. Para fechar a lista de novidades, o zagueiro Luiz Eduardo está relacionado pela primeira vez e poderá fazer a sua estreia. Mesmo com o retorno de bons jogadores, o técnico colombiano terá alguns desfalques, entre eles Alan Kardec, Denis e Daniel (cirurgias) e Alexandre Pato (em razão de uma questão contratual). (AE)