Publicado 06 de Agosto de 2015 - 5h30

Mesmo sem as condições físicas ideias, pois acabaram de voltar das férias, Messi e Neymar foram decisivos pelo Barcelona já no primeiro jogo que disputaram na pré-temporada do clube. Em confronto válido pelo título do Troféu Joan Gamper, de caráter amistoso, eles marcaram os dois primeiros gols da vitória por 3 a 0 sobre a Roma, no estádio Camp Nou, em Barcelona.

Absoluto em campo, o Barcelona ainda desperdiçou uma série de boas chances de marcar mais gols, uma delas incrível com Neymar, que não conseguiu desviar de cabeça uma bola na pequena área após cruzamento da direita.

Entretanto, de tanto insistir, o time catalão abriu o placar aos 26’. Após belo lançamento de Messi, Mathieu escorou para Neymar receber na cara de Szczesny, driblar o goleiro com tranquilidade e tocar para o gol.

Mesmo com 1 a 0 no placar, Messi acabou se descontrolando em campo após ser provocado pelo zagueiro Mbiwa. O argentino ouviu uma reclamação do defensor africano naturalizado francês e em seguida foi para cima, pegando em seu pescoço e ainda dando uma cabeçada no rival. O árbitro da partida aplicou apenas cartão amarelo para os dois jogadores.

E, apenas seis minutos depois, Messi respondeu da maneira que mais gosta: marcando gol, aos 41’. Em bela trama do ataque que passou por Suárez e teve assistência de Neymar, o argentino bateu no canto esquerdo baixo do goleiro.

No segundo tempo, aos 21’, o Barcelona decretou o 3 a 0 com um golaço do croata Ivan Rakitic, que acertou forte chute de fora da área no ângulo esquerdo de De Sanctis.

Antes deste gol, aos 15’, Luis Enrique já havia sacado Messi, Neymar e Suárez do time . O técnico tirou o trio ofensivo para testar opções e para evitar lesões, mas acabou lamentando uma lesão muscular sofrida pelo lateral Jodi Alba, que se tornou dúvida para a final da Supercopa da Europa, terça-feira, contra o Sevilla.