Publicado 04 de Agosto de 2015 - 5h30

Com a primeira partida oficial agendada para a próxima terça-feira (válida pela semifinal da Copa São Paulo), o Vôlei Brasil Kirin apresentou ontem seu elenco para a temporada 2015/2016. Com 50% do grupo renovado, a equipe inicia seu sexto ano em Campinas com foco na briga pelo título Estadual e na decisão da Superliga Masculina.

Desta vez, o time contará com dois atletas estrangeiros, o levantador argentino Demian Gonzalez e o ponta romeno Olteanu. Além deles, três atletas de Seleção Brasileira reforçam o grupo: o líbero Tiago Brendle, o central Maurício Souza (ambos estiveram na conquista da medalha de prata no Pan de Toronto), e o ponteiro Lucas Lóh, que defendeu o Brasil nas últimas duas Ligas Mundiais.

As contratações de Demian e Olteanu foram uma escolha do técnico Alexandre Stanzioni, que continua no comando do grupo pela segunda temporada. "Venho monitorando os dois atletas há tempos e esses atletas que querem vir jogar numa Superliga forte, numa Liga reconhecida no mundo como a nossa, você consegue trazê-los com um bom custo-benefício. O Demian joga com velocidade, com primeira bola, algo que você não vê muito hoje pelo Brasil. Ele queria muito jogar no Brasil e pra gente taticamente vai cair como uma luva", comentou o treinador.

O levantador foi o único ausente na apresentação oficial do elenco, ontem, na fábrica da Brasil Kirin em Itu, pois ele está com a seleção da Argentina para a disputa da Copa América. O time de Campinas estará 100% completo apenas em meados de setembro quando os jogadores que estão com a Seleção Brasileira retornam.

O ponteiro romeno encara a oportunidade de jogar no Brasil como um grande desafio e a regularidade do projeto do Vôlei Brasil Kirin foi um ponto positivo para desembarcar na cidade nesta temporada. "Eu joguei três anos na Argentina e tive contato com o voleibol brasileiro, um dos mais fortes do mundo, e disputar esta Superliga é um grande desafio na minha carreira. Chego já conhecendo alguns atletas, como Demian Gonzalez, com quem dividi apartamento, e também já joguei contra alguns brasileiros que agora são companheiros de time", comentou Olteanu.

Na temporada passada, o Vôlei Brasil Kirin foi campeão da Copa São Paulo, semifinalista do Paulista e eliminado nas quartas de final da Superliga. Com atletas com mais bagagem em quadra e experiência de Seleção Brasileira, a expectativa é que realmente o time se consolide entre as quatro melhores equipes do País e atinja a tão sonhada final de Superliga.

"Voltar para o clube com uma bagagem, ritmo de seleção, conta muito. Além do que com capacidades como o emocional e o psicológico bem desenvolvidas. Aumenta a confiança, a exigência e a responsabilidade", comentou Tiago Brendle, eleito melhor líbero, melhor defesa e recepção no Jogos Pan-Americanos de Toronto.

Nesta temporada, além de muitas caras novas no elenco, o Vôlei Brasil Kirin terá um novo distintivo e a Kappa será a responsável pelo fornecimento do material esportivo.

O ELENCO

Nome/PosiçãoAltura

Demian, levantador, 1,92m

Jotinha, levantandor1,88m

Maurício Souza, central2,06m

Luizinho, central2,04m

Vini, central1,96m

Michael, central2,02m

Piá, ponteiro2,03m

Ygor Ceará, ponteiro1,92m

Lucas Lóh, ponteiro1,96m

Olteanu, ponteiro1,99m

Wallace Martins, oposto2,04m

Baiano, oposto1,95m

Tiago Brendle, líbero1,88m

Pará, líbero1,70m