Publicado 06 de Agosto de 2015 - 22h08

Por Agência Estado

Operador de propina pagou R$ 1,4 milhão em consultoria a Dirceu

Cedoc/ RAC

Operador de propina pagou R$ 1,4 milhão em consultoria a Dirceu

Minutos depois do programa do PT em rede nacional de TV e rádio ir ao ar, o PT Nacional usou as redes sociais para fazer uma inédita defesa do ex-ministro José Dirceu, preso pela Polícia Federal na 17.ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Pixuleco. "#CaminhoDaEsperança: Libertem Zé Dirceu!!!#SolidariedadeaZeDirceu", foram as frases postadas no perfil do PT Nacional no Facebook junto com uma foto do ex-ministro. Uma hora antes, o partido já havia postado a frase "?#?SolidariedadeaZeDirceu é o verdadeiro ?#?CaminhoDaEsperança". No Twitter, o PT usou a "#CaminhoDaEsperança para destacar frases ditas na mensagem partidária.

No programa não houve menção à prisão do petista e nem uma demonstração de apoio. A iniciativa de solidariedade ao ex-ministro nas redes sociais acontece depois também da Executiva Nacional do PT ter decidido em reunião na terça-feira que mudariam o tom adotado em relação à prisão anterior do ex-ministro, em 2013, após sua condenação pelo Supremo Tribunal Federal, no processo do mensalão, e prefeririam isolar Dirceu.

Escrito por:

Agência Estado