Publicado 06 de Agosto de 2015 - 23h45

Por France Press

Desabrigados após ataques do Boko Haram são atentidos por policiais nigerianos

France Press

Desabrigados após ataques do Boko Haram são atentidos por policiais nigerianos

Um ataque do grupo rebelde islâmico Boko Haram matou ao menos nove pessoas no nordeste da Nigéria, informaram nesta quinta-feira (6) à AFP moradores locais que conseguiram fugir.

O ataque, durante a noite, foi realizado por homens armados em motocicletas contra as vilas de  Tadagara e Dunbulwa, situadas a cerca de 170 km de Damaturu, capital do Estado de Yobe.

Segundo testemunhas, os nove mortos foram executados com disparos de armas automáticas em Tadagara, por volta de 22h30 local (18h30 Brasília) de quarta-feira (5). Os rebeldes pilharam e incendiaram as casas das vítimas.

"Os combatentes do Boko Haram chegaram de moto e abriram fogo contra nossa vila (...) matando nove pessoas", disse à AFP ‎Shuaibu Nuhu, morador de Tadagara.

"Fugimos para o mato e, de lá, vimos as chamas saindo de nossas casas incendiadas pelos rebeldes, após a pilhagem".

Os rebeldes ficaram durante toda a noite na vila, esperando o fim de uma forte chuva, e depois seguiram para a vizinha Dunbulwa, onde a população fugiu antes de sua chegada.

A insurreição do grupo islamita Boko Haram e sua repressão por parte das forças de ordem nigerianas resultaram em mais de 15 mil mortes desde 2009.

Escrito por:

France Press