Publicado 06 de Julho de 2015 - 19h05

Por Inaê Miranda

Vandalismo

5 universitários são detidos acusados de furtar placas e cones de trânsito

Cinco estudante universitários do campus da Unicamp de Limeira foram detidos na última quinta-feira, 2 de julho, acusados de furtar placas de sinalização, de nomes de ruas e cones de trânsito. O flagrante foi efetuado pela Guarda Civil de Limeira numa república da rua Rua Teresa Cossi Fontana, Jardim Piratininga, após denúncia anônima feita por um transeunte. Todos os acusados negaram os furtos e foram liberados após prestar esclarecimnto ao delegado plantonista. Esse foi o segundo caso de furto de placas e cones de trânsito em Limeira em apenas 20 dias. A outra ocorrência foi registrada no bairro Nova Itália, também numa república de estudantes.

De acordo com a Polícia Civil, a testemunha passava próxima ao imóvel do Jardim Piratininga e notou a presença de dois cones de trânsito no quintal. Como no local há o canteiro de obras do Piscinão, o morador desconfiou do fato e acionou uma viatura da Guarda Municipal

Dois guardas municipais perceberam que os estudantes da república iniciaram um corre-corre no local e ao entrarem no imóvel se depararam com 20 placas de trânsito e 13 cones escondidos nos quartos, sendo que várias placas estavam penduradas nas paredes. Havia também placas rodoviárias da empresa Intervias.

Três placas de sinalização de trânsito foram arrancadas inclusive com os postes metálicos e a proteção de concreto.

Negativa- Os cinco universitários suspeitos de furtarem as placas vão responder a inquérito por danos e vandalismo e não tiveram os nomes revelados .Na Delegacia de Limeira, eles negaram os fatos. Eles afirmaram que ocorreu recentemente uma festa na república e que alguns convidados levaram as placas e as deixaram no local.

Para a secretaria municipal da Mobilidade Urbana de Limeira, Andréia Silva Soares, ocorrências desta natureza são lamentávei porque, além de causar prejuízos para os contribuintes, servem para colocar em risco a segurança de pedestres e motoristas.

Escrito por:

Inaê Miranda