Publicado 03 de Julho de 2015 - 20h02

Por Paulo César Dutra Santana

Marcelo Lomba é o goleiro que mais praticou defesas na Série A do Campeonato Brasileiro, de acordo com o site de estatísticas Footstats. No total, foram 30 intervenções importantes que ajudaram a Ponte Preta a manter uma boa campanha nas 10 primeiras rodadas. Diego Cavalieri, do Fluminense, começou a 11ª rodada em segundo com 28 defesas, acompanhado de Cássio (27), do Corinthians; Bruno Brigido (26), do Coritiba, e Weverton (26), do Atlético-PR.

No jogo contra o Corinthians, Lomba fez pelo menos duas defesas importantíssimas. Nada mal, para o jogador que, assim que chegou, não conseguiu engatar uma boa sequência. Depois de passar dois meses em recuperação por causa de fratura na costela, o goleiro vive outro momento.

Atuou em 14 das 15 partidas que a equipe disputou - dois amistosos, dois jogos pela Copa do Brasil e 10 rodadas do Brasileiro). “Fico feliz de ver meu trabalho ser reconhecido, só que vida de goleiro, como de qualquer outro atleta, é jogo a jogo. Tem que matar um leão por dia. Eu sei que vou ser exigido de diferentes maneiras. Por isso, tenho que estar preparado para tudo”, comentou.

Para o goleiro, a Macaca não pode se abater por causa da derrota na última quinta-feira, quando atuou fora de casa. “A Ponte vive um momento de afirmação em todo o Brasil por causa de sua estrutura, dos salários em dia e isso nos ajuda bastante. Eu quero poder estar junto, remando para o mesmo lado, onde os méritos sejam sempre coletivos”, destaca.

O goleiro acrescenta que a Macaca tem plenas condições de vencer hoje. “Quem estiver melhor no dia, quem fizer a melhor parte tática, física e técnica sairá vencedor. Espero que a gente esteja num bom dia”, diz. (PS/AAN)

Escrito por:

Paulo César Dutra Santana