Publicado 02 de Julho de 2015 - 18h01

Por Agência Estado

Boschilia (à esquerda) ao lado de Lucão: meia pode desfalcar o São Paulo em mais partidas

Divulgação

Boschilia (à esquerda) ao lado de Lucão: meia pode desfalcar o São Paulo em mais partidas

O meia Boschilia, do São Paulo, está com suspeita de dengue, será submetido a um exame e pode desfalcar a equipe pelas próximas partidas. O jogador chegou a viajar para Curitiba, onde o time perdeu por 2 a 1 para o Atlético-PR, pelo Brasileirão, mas como estava com febre, teve a escalação vetada e agora aguarda o resultado da avaliação médica para saber quando poderá retornar.

O jogo contra a equipe paranaense seria o primeiro dele pelo São Paulo desde que voltou da disputa do Mundial sub-20 com a Seleção Brasileira, na Nova Zelândia. Vice-campeão do torneio junto com o zagueiro Lucão, colega de time, Boschilia ganhou uma semana de folga e se reapresentou ao clube na última segunda-feira (29). O técnico Juan Carlos Osorio decidiu levar a dupla para Curitiba, mas de última hora não pode contar com Boschilia e nem com o volante Souza, negociado com o Fenerbahçe, da Turquia.

Meses atrás, o São Paulo também teve problemas com a dengue com o meia Michel Bastos, que chegou ser desfalque em uma partida da Copa Libertadores. O afastamento de Boschilia aumenta a lista de baixas da equipe, que nas últimas semanas teve as saídas de Rodrigo Caio, Denilson, Paulo Miranda, Dória e Souza. Osorio também não pode escalar em Curitiba o zagueiro Rafael Toloi e o atacante Luis Fabiano, que sentiram dores musculares.

O time se reapresentou, nesta quinta-feira (2), no CT da Barra Funda e os reservas fizeram um treino em campo reduzido. Toloi e Luis Fabiano participaram normalmente, assim como Reinaldo, que agora volta a ficar à disposição do técnico colombiano depois de se recuperar de uma contratura na coxa direita. A próxima partida do São Paulo é no domingo (5), contra o Fluminense, no Morumbi.

Escrito por:

Agência Estado