Publicado 07 de Julho de 2015 - 18h52

Por Agência Estado

Serena Williams segue atrás de seu sexto título no Torneio de Wimbledon

France Press

Serena Williams segue atrás de seu sexto título no Torneio de Wimbledon

A norte-americana Serena Williams precisou de uma virada para seguir viva na luta pelo seu sexto título de Wimbledon. Nesta terça-feira (7), a número 1 do mundo derrotou a bielo-russa Victoria Azarenka, 24ª colocada no ranking da WTA, por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/2 e 6/3, em 2 horas e 3 minutos, se garantindo pela nona vez nas semifinais do Grand Slam britânico.

Serena, dona de 20 títulos dos torneios do Grand Slam na sua carreira, já foi campeã nesta temporada do Aberto da Austrália e de Roland Garros. Agora, se ela vencer Wimbledon e US Open, se tornará a primeira tenista desde Steffi Graff em 1988 a triunfar nos quatro torneios no mesmo ano.

Em busca da vaga na decisão de Wimbledon, Serena vai encarar a russa Maria Sharapova nas semifinais, nesta quinta-feira (9). A russa pode ser considerada uma freguesa da número 1 do mundo, que a derrotou na decisão da edição de 2004 de Wimbledon e na final deste ano do Aberto da Austrália. Além disso, a número 1 do mundo lidera o confronto direto por 17 a 2.

Serena disparou 17 aces, dez a mais do que Azarenka, além de ter cometido três duplas-faltas a menos - 3 a 6. A norte-americana disparou 46 winners e cometeu 12 erros não-forçados, diante dos 20 acertos e 11 equívocos da sua adversária.

Quem se deu melhor no primeiro set, porém, foi Azarenka, que conquistou a única quebra de serviço na quarta parcial, abrindo 3/1, para depois assegurar o triunfo por 6/3.

O segundo set seguiu igual até o sexto game, quando Serena conseguiu a quebra de saque, que se repetiu no oitavo, para que a número 1 do mundo fechasse a parcial em 6/2. Embalada, a norte-americana abriu 3/0 logo no começo do terceiro set e depois só precisou administrar a vantagem para aplicar 6/3 e avançar às semifinais de Wimbledon.

RADWANSKA - Já a polonesa Agnieszka Radwanska se classificou pela terceira vez nos últimos quatro anos para as semifinais de Wimbledon. A número 13 do mundo e vice-campeã no Grand Slam londrino em 2012 avançou nesta terça ao derrotar a norte-americana Madison Keys, 21ª colocada no ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/3), 3/6 e 6/3.

Batida por Serena na decisão há três anos, que pode até se repetir em 2015, Radwanska também avançou às semifinais em 2013, enquanto em 2014 parou nas oitavas de final. Agora ele volta a ficar entre as quatro melhores tenistas de Wimbledon. E a sua próxima adversária será a espanhola Garbine Muguruza, 20ª colocada no ranking.

Escrito por:

Agência Estado