Publicado 04 de Julho de 2015 - 19h17

Por Agência Estado

O escocês Andy Murray vibra muito ao superar o italiano Andreas Seppi

France Press

O escocês Andy Murray vibra muito ao superar o italiano Andreas Seppi

Andy Murray precisou superar problemas físicos e tomou um susto ao chegar a ser arrasado em uma das parciais do jogo deste sábado (4), mas venceu o italiano Andreas Seppi por 3 sets a 1, com 6/2, 6/2, 1/6 e 6/1, em Londres, e foi às oitavas de final de Wimbledon.

Terceiro cabeça de chave do tradicional Grand Slam realizado em quadras de grama, o tenista britânico assim se credenciou para enfrentar na próxima fase o croata Ivo Karlovic, especialista no saque que, em outro jogo do dia, desbancou o favoritismo do francês Jo-Wilfried Tsonga por 3 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/3), 4/6, 7/6 (7/2) e 7/6 (11/9).

Campeão de Wimbledon em 2013, Murray foi arrasador nos dois primeiros sets do duelo diante de Seppi, mas sofreu por causa de dores no seu ombro direito e chegou a ter de ser atendido após cair por 6/1 no terceiro set.

O apoio da torcida e a sua maior categoria fizeram a diferença para o escocês no quarto set, no qual Murray devolveu o 6/1 sofrido na parcial anterior para liquidar a partida em duas horas e oito minutos.

No final das contas, Murray aproveitou sete de 12 chances de quebrar o saque do italiano, que só conseguiu converter três de dez break points. Para completar, o britânico contabilizou 10 aces e 22 winners, contra quatro pontos de saque e 22 bolas vencedoras do italiano.

BERDYCH - Outro favorito que assegurou classificação às oitavas de final neste sábado foi o checo Tomas Berdych. Sexto cabeça de chave, ele derrotou o espanhol Pablo Andujar por 3 sets a 1, de virada, com parciais de 4/6, 6/0, 6/3 e 7/6 (7/3).

O próximo rival de Berdych sairá do vencedor da partida entre os franceses Gilles Simon e Gael Monfils, que está programada para acabar ainda neste sábado, depois de ter sido interrompida por falta de luz natural e transferida para a quadra com teto retrátil do complexo de Wimbledon.

DUPLAS - O brasileiro Marcelo Demoliner foi eliminado neste sábado da chave masculina de duplas de Wimbledon. Atuando ao lado do neozelandês Marcus Daniell, ele foi superado pelo israelense Jonathan Erlich e o alemão Philipp Petzschner, que venceram por 3 sets a 1, com 6/3, 4/6, 6/3 e 6/3, nas oitavas de final.

Já nas duplas mistas, o brasileiro Bruno Soares e a indiana Sania Mirza estrearam com vitória em jogo já válido pela segunda rodada neste sábado. Eles derrotaram o alemão Andre Begemann e a eslovaca Janette Husarova por 6/2 e 6/4. Na terceira rodada, eles irão encarar os croatas Marin Draganja e Ana Konjuh.

Escrito por:

Agência Estado