Publicado 16 de Julho de 2015 - 5h30

Titular em cinco das sete rodadas da Série C do Campeonato Brasileiro, o volante Serginho foi negociado ontem com o Botafogo e não defende mais o Guarani. O jogador acertou a rescisão de seu contrato com o Bugre — que tinha validade até 30 de novembro — e agora segue para o clube carioca. A saída vai render ao clube campineiro uma compensação financeira e a equipe ainda poderá contar com um meia ou um atacante, que será escolhido com base nos atletas agenciados pelos empresários de Serginho.O interesse do Botafogo já vem de alguns dias, mas ganhou força na noite de terça-feira, após a eliminação do clube na Copa do Brasil em derrota para o Figueirense. Ontem, os agentes do jogador estiveram no Brinco de Ouro apresentando a proposta. Mesmo com a negociação, Serginho participou normalmente do treinamento comandado pelo técnico Paulo Roberto Santos. Depois da atividade, os representantes se reuniram com dirigentes bugrinos e selaram o acordo. No Rio de Janeiro, comentou-se que o volante foi um pedido do técnico René Simões, mas nem a demissão do treinador atrapalhou o acerto.O presidente Horley Senna garantiu que não havia possibilidade de segurar o jogador, mas não abriu mão de um retorno financeiro. "O procurador veio com a proposta e ele vai receber o dobro no Botafogo. Aí não tem como segurar", disse o mandatário bugrino, que não revelou qual a compensação recebida pelo clube. "Não dá para falar, mas é um valor que vale a pena, até porque o atleta não ficaria mais com a cabeça aqui."Em relação ao atleta que virá em contrapartida, é certo que trata-se de um jogador para o setor ofensivo, posição mais carente do atual elenco. Uma lista de jogadores será disponibilizada para Paulo Roberto, que em conjunto com o departamento de futebol fará a escolha. A expectativa é de que o reforço esteja em Campinas até o final da semana.Time

Já sem Serginho, Paulo Roberto terá que obrigatoriamente mexer em uma peça para o jogo da próxima segunda-feira, contra o Brasil de Pelotas. Ontem, o comandante bugrino realizou apenas um trabalho tático e não deu nenhuma pista do time. Para suprir a ausência do ex-titular, são três as possibilidades. Se fizer uma troca simples, o técnico pode promover a entrada de Johnnattan no meio. Outra opção é recuar Serginho Catarinense e colocar mais um meia ao lado de Fumagalli. Uma última hipótese, a princípio menos provável, é deslocar Thiago Carpini para atuar como volante e escolher outro jogador para formar dupla de zaga com Gladstone.

NOTAS DO BUGRE

Vítor Hugo

O atacante Vítor Hugo não faz mais parte dos planos do Guarani. O jogador, que disputou duas partidas da Série C — em ambas saindo do banco — não teve seu contrato de empréstimo prorrogado. Ele pertence ao Corinthians, que queria que o Bugre arcasse com pelo menos uma parte do salário do atleta.

Série C

A CBF divulgou a tabela detalhada do segundo turno da Série C do Campeonato Brasileiro. Os dias e horários, no entanto, não são definitivos, já que rodada após rodada as emissoras detentoras dos direitos de transmissão têm modificado as datas de acordo com suas grandes.

Jogos

Segundo a tabela, os jogos do Bugre são os seguintes: Guaratinguetá (2/8 às 16h), Londrina (9/8, às 16h), Tupi (15/8 às 16h), Juventude (22/8 às 19h), Tombense (30/8 às 16h), Madureira (5/9 às 15h), Portuguesa (13/9, às 16h), Brasil de Pelotas (19/9 às 19h) e Caxias (27/9 às 16h).