Publicado 13 de Julho de 2015 - 5h30

A seleção brasileira feminina de vôlei nem precisou entrar em ação na última semana da fase de classificação do Grand Prix para se garantir nas finais da competição. A vaga antecipada foi assegurada ontem, quando a equipe dirigida por José Roberto Guimarães derrotou a Alemanha por 3 sets a 0, com parciais de 26/24, 25/22 e 26/24.

Com a vitória no último jogo da equipe no Grupo D, disputado no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, o Brasil manteve 100% de aproveitamento, chegou aos 18 pontos e garantiu a passagem para as finais, que terão outros cinco participantes. Outros dois já estão garantidos: o anfitrião Estados Unidos e a China, que também soma 18 pontos.

Os destaques do Brasil na vitória de ontem foram Jaqueline, com 13 pontos, e Joycinha, com 12. Mas a maior pontuadora do duelo foi uma alemã, Maren Brinker, com 20 acertos, insuficientes, porém, para evitar o tropeço da sua equipe.

O Brasil, no entanto, parecia que ia ser derrotado no primeiro set, pois a Alemanha chegou a abrir 19/13. Zé Roberto resolveu mudar o time, apostou em Jaqueline, que fez cinco pontos na reta final da parcial, que acabou sendo vencido por 26/24.

Zé Roberto, então, manteve Jaqueline no segundo set. E ela voltou a corresponder marcando seis pontos na parcial, em que o Brasil chegou a abrir 12/6. As alemãs esboçaram uma reação no final, mas foi a seleção que voltou a vencer, dessa vez por 25/22.

No terceiro set, o Brasil voltou a oscilar, desperdiçando uma vantagem que chegou a ser de sete pontos — 15/8 — e permitindo o empate da Alemanha em 23/23. O bloqueio brasileiro, porém, fez a diferença, com oito pontos na parcial, que acabou sendo vencida por 26/24. (AE)