Publicado 01 de Julho de 2015 - 9h51

Por Agência Brasil

Hillary Clinton fez um um discurso em uma igreja da comunidade negra em Florissant, no Missouri

Frace Press

Hillary Clinton fez um um discurso em uma igreja da comunidade negra em Florissant, no Missouri

O Departamento de Estado dos Estados Unidos anunciou que vai divulgar 3 mil páginas com mensagens de correio eletrônico da ex-secretária de Estado Hillary Clinton, depois da ordem de um juiz federal. Os documentos vão ficar disponíveis no site do Departamento de Estado na internet.

A correspondência eletrônica de Hillary Clinton tem sido motivo de discussão desde que admitiu, em março, que usou uma conta privada para toda a sua correspondência eletrônica enquanto era secretária de Estado, entre 2009 e 2013.

Os rivais republicanos acusam Hillary Clinton, candidata às eleições presidenciais de 2016, de ter usado uma conta privada para manter a correspondência fora dos registros oficiais.

Ela argumentou que no fim de 2014 enviou 55 mil páginas impressas, correspondentes a 30 mil mensagens, a agentes da administração que vão arquivar a informação e disponibilizá-la ao público, como requerido por lei.

Escrito por:

Agência Brasil