Publicado 07 de Julho de 2015 - 18h30

Por Alenita Ramirez

Uma técnica de enfermagem de 49 anos foi espancada por três mulheres durante um acidente de trânsito, na madrugada desta terça-feira (7), no Jardim Santa Lúcia, em Campinas.

A vítima estava em um Astra e ao parar para ajudar um amigo que tinha caído de moto foi atacada pelo trio que passava pela Avenida Ruy Rodrigues.

O grupo achou que a mulher havia derrubado o motociclista para assaltá-lo. A técnica recupera de um pós-cirúrgico e precisou ser medicada.

A tentativa de linchamento ocorreu por volta da 1h quando a técnica e o motociclista voltavam de um bar para casa. Ela levava a mulher do motoqueiro no carro e seguia logo atrás da moto, quando em uma curva ele se perdeu e caiu.

As mulheres passavam pela via e quando viram que a técnica tinha descido do carro e seguia em direção do motociclista, elas seguiram até ela e começaram a agredi-la.

"Pensei que ia morrer. Elas não paravam de me bater. O meu amigo tentou explicar, mas elas não ouviam e incitavam outras pessoas que passavam pelo local para me baterem", relatou a técnica em enfermagem.

As agressões só pararam quando a viatura da polícia chegou. "Hoje em dia tem que pensar duas vezes para ajudar alguém. Só parei porque era meu amigo", desabafou.

Todos foram levados para a 2ª Delegacia Seccional e o caso foi registrado como lesão corporal. A técnica em enfermagem foi medicada e liberada com vários hematomas pelo corpo.

Escrito por:

Alenita Ramirez