Publicado 02 de Junho de 2015 - 14h37

Por Alenita de Jesus

Alenita Ramirez

[email protected]

Um adolescente de 17 anos e três meninos - com idades entre 9 e 12 anos - foram apreendidos ontem de madrugada, em Paulínia, após promoverem um arrastão com destruição na região central da cidade. Eles quebraram vidraças do prédio do instituto de seguro social dos funcionários públicos de Paulínia (Poliprev), de um Ford Ka e furtaram as câmeras de segurança de um supermercado. O bando foi detido pela Guarda Municipal (GM) depois de ser avisada pelo aplicativo Whats App. Eles prestaram depoimentos e foram liberados para os responsáveis. Um moleque de 11 anos e outro de 9 são irmãos. Com o quarteto foram apreendidas duas bicicletas que os pais não reconheceram.

Segundo a GM, o grupo primeiro quebrou os vidros do carro que estava estacionado perto do hospital municipal. Eles pegaram objetos que estavam no veículo e depois seguiram ate o prédio da Poliprev, onde tentaram arrombar a porta de entrada mas não conseguiram. Eles então quebraram o vidro da porta do jardim de inverno, que não da acesso para o interior do prédio.

O quarteto seguiu para um supermercado onde furtou as câmeras de segurança. Quando foi detido pela GM, o grupo já estava sem as câmeras, mas mostrou onde tinha escondido os objetos que foram recuperados.

Escrito por:

Alenita de Jesus