Publicado 01 de Junho de 2015 - 9h26

Por Agência Estado

Milton Cruz espera ficar no São Paulo mesmo com a chegada de um novo treinador

Rubens Chiri/saopaulofc.net

Milton Cruz espera ficar no São Paulo mesmo com a chegada de um novo treinador

Juan Carlos Osorio será apresentado nesta segunda-feira (1°) como técnico do São Paulo e a situação de Milton Cruz terá de ser definida pela diretoria do clube. No domingo, o treinador comandou o time, no empate sem gols com o Internacional, e agora não sabe se ficará como auxiliar do colombiano ou se terá nova função. "O que o presidente falou comigo é que eu voltaria para minha função de origem, a de coordenador técnico. Isso foi falado dias atrás", explicou Milton.

Especulou-se que ele poderia ser transferido para cuidar das categorias de base no CT da Cotia, mas Milton garante que prefere voltar à sua antiga função. "Vou dar todo o apoio para o Osorio, como sempre fiz com todos os treinadores. Ainda não sei se ele vai trabalhar na próxima quarta-feira, mas estou à disposição dele e do São Paulo. Quero apoiá-lo em tudo que for preciso", comentou Milton, lembrando que o time tem um clássico na quarta-feira, contra o Santos.

O treinador faz uma avaliação positiva de sua presença como técnico do time após a saída de Muricy Ramalho. "Minha passagem foi boa. Ter aproveitamento de quase 70% é um bom índice. Esse período foi importante para o São Paulo evoluir, mostrar que tem grandes jogadores e que eles são comprometidos. Procurei sempre estudar o adversário a fim de encontrar a melhor maneira de escalar o time. Saio satisfeito."

Ele apenas lamentou que o São Paulo não saiu de Porto Alegre com os três pontos na bagagem. "Jogar aqui nunca é fácil. A partida foi complicada e o Inter tem um grande elenco. Basta ver que é semifinalista da Libertadores e se deu ao luxo de colocar outro time em campo. O São Paulo teve bom volume de jogo, criamos oportunidades, mas o gol não saiu. Sem o Ganso, que teve um problema familiar, optei por recuar o Pato e colocar o Luis Fabiano na área. Criamos chances e o Luis até cabeceou uma bola na trave. Gostei do que vi", concluiu.

Escrito por:

Agência Estado