Publicado 04 de Junho de 2015 - 18h08

Por Agência Estado

O técnico Marcelo Fernandes garantiu que o Santos pode jogar bem sem Robinho

Divulgação

O técnico Marcelo Fernandes garantiu que o Santos pode jogar bem sem Robinho

O Santos perdeu o clássico para o São Paulo por 3 a 2, na quarta-feira (3), no Morumbi, no primeiro jogo da equipe no Brasileirão sem poder contar com Robinho, que está com a Seleção Brasileira para a disputa da Copa América. O técnico Marcelo Fernandes fez questão de ressaltar que sua equipe não pode viver dependente do jogador e que a intenção é mostrar que tem um elenco qualificado para suprir a ausência de seu principal atleta.

"Não tem problema (Robinho não jogar). O Robinho está defendendo a Seleção e o Santos não se resume a Robinho. O Santos ganhou clássicos sem o Robinho e as coisas não acontecem, mas é normal" disse o comandante santista.

Lamentação mesmo do treinador foi com o fato de não poder contar com Neto Berola, que não foi inscrito a tempo do clássico. "Pensamos uma coisa, mas não deu para ele jogar. Nós pensamos. O Robinho é diferente, mas os jogadores estão tentando. Vamos dar a volta por cima", assegurou.

Fernandes ainda analisou a partida, preferiu destacar a vontade de seus atletas e que o resultado só não foi concretizado por causa de falhas individuais. "Não jogamos mal. Viramos um jogo difícil e, por duas falhas, não conseguimos segurar. No Santos, não tem ninguém de sacanagem e sabemos a responsabilidade de vestir essa camisa."

Escrito por:

Agência Estado