Publicado 04 de Junho de 2015 - 10h46

Por France Press

John Whittingdale admite que é improvável que ocorram dois Mundiais sucessivos na Europa.

Cedoc/RAC

John Whittingdale admite que é improvável que ocorram dois Mundiais sucessivos na Europa.

A Inglaterra está disposta a organizar o Mundial-2022 se o Catar for retirado pelas acusações de corrupção contra a Fifa, declarou nesta quinta-feira (4)  o secretário de Estado de Esporte britânico. Depois de perder para a Rússia a organização do Mundial-2018, John Whittingdale disse no Parlamento que a Inglaterra está pronta para receber a competição de 2022 se for necessário.

Ao mesmo tempo, admitiu que é improvável que ocorram dois Mundiais sucessivos na Europa. "Se a Rússia organizar o Mundial em 2018, é improvável que outro país europeu receba o de 2022", explicou.

Sob investigação

"Mas, obviamente, se a Fifa der o passo e pedir que consideremos organizá-lo, temos as instalações neste país", acrescentou. A única vez em que a Inglaterra organizou a competição máxima do futebol foi em 1966.

A atribuição dos Mundiais de 2018 e 2022 está sendo investigada pelas autoridades suíças e americanas por supostos subornos, mas a Fifa insiste que não pensa em reabrir o processo.

Escrito por:

France Press