Publicado 03 de Junho de 2015 - 11h05

Anchieta se tornou santo no dia 3 de abril do ano passado, depois de um processo que durou 417 anos

Divulgação

Anchieta se tornou santo no dia 3 de abril do ano passado, depois de um processo que durou 417 anos

Os católicos da Baixada Santista que reverenciam São José de Anchieta terão a chance ver de perto uma relíquia do santo em Bertioga. Chega neste sábado (6) na cidade um pedaço de osso (fêmur esquerdo). Os devotos poderão ver a peça a partir das 10 horas, quando será realizada a benção dos fiéis.

A cerimônia faz parte das comemorações de um ano da canonização de Anchieta, que se tornou santo no dia 3 de abril do ano passado, depois de um processo que durou 417 anos. Ele já era considerado beato desde 1980.

A programação é uma parceria entre as prefeituras de Guarujá e Bertioga e a Paróquia São João Batista de Bertioga.

Programação

Serão dois dias de comemorações, que vão envolver toda a comunidade em atividades que representam a passagem do Padre Anchieta pela região, em especial Bertioga e Guarujá.

A relíquia será trazida até o Forte São João de barco da Ermida de Santo do Guaibê, no município vizinho de Guarujá. A chegada do relicário percorrerá o mesmo trajeto feito pelo padre, por volta de 1560, quando costumava fazer suas orações pedindo paz entre brancos e índios.

No Parque dos Tupiniquins, no entorno do Forte São João, o cacique Timóteo, da Aldeia Rio Silveira, e as demais autoridades receberão o relicário que ficará exposto na Sala de Anchieta, dentro da fortaleza, onde será aberta a exposição ‘São José de Anchieta – o Santo do Brasil’.

Das 14 às 16 horas, o Barco Escola Arca do Saber, projeto da Secretaria de Meio Ambiente de Bertioga, fará a travessia do Canal de Bertioga, saindo do Píer Licurgo Mazzoni, até a Ermida. No local, um ator irá interpretar São José de Anchieta, declamando as poesias do santo. Às 17 horas, acontece a procissão, com a relíquia saindo do Forte São João até a Igreja Matriz São João Batista.

Domingo

A programação continua no domingo (7), às 9 horas, com a abertura da exposição. O Barco Escola Arca do Saber vai realizar saídas para a Ermida de Santo Antônio do Guaibê às 9, 11, 14 e 16 horas, para o público assistir e a performance do ator declamando as poesias de Anchieta.

Às 18h30 será celebrada missa na Igreja São João Batista, com a relíquia do São José de Anchieta. Às 19h30, uma procissão com a relíquia saindo da Igreja e indo em direção ao Canal de Bertioga para a encenação do ‘Milagre do Resplendor e Música no Céu’, popularmente conhecido como ‘Milagre das Luzes’. Neste momento, a Ermida de Santo Antônio do Guaibê, do outro lado do Canal de Bertioga, será iluminada.