Publicado 05 de Junho de 2015 - 5h00

Por Delma Medeiros

Cena de 'Curra - Temperos sobre Medeia', montagem da companhia Contadores de Mentira que será apresentada no festival do Barracão Teatro

Divulgação

Cena de 'Curra - Temperos sobre Medeia', montagem da companhia Contadores de Mentira que será apresentada no festival do Barracão Teatro

Referência nacional da pesquisa e produção de espetáculos com máscaras, o Barracão Teatro, de Campinas, realiza entre junho e julho uma mostra de peças cômicas que utilizam máscaras da commedia dell’arte, do palhaço e balinesas, além de uma tragicomédia e um espetáculo que é um misto de festejo, teatro e celebração, com montagens de seu repertório e de grupos convidados. “O objetivo da Mostra Barracão é apresentar espetáculos do nosso repertório para a população de Campinas, pois há muito tempo não apresentamos na cidade várias de nossas montagens. Queremos que o Barracão seja mais frequentado pela população como um espaço popular, que atende ao público de todas as idades, que pode usufruir do teatro como uma opção para sua programação de final de semana. Os espectadores poderão encontrar amigos, levar a família e se divertir a valer com nossa programação”, afirma a diretora do grupo, Tiche Vianna.

A abertura será neste sábado (6) com o espetáculo 'O Ponto Alto da Festa', mais recente montagem do grupo, que trata dos encontros e desencontros de um grupo de pessoas de personalidades e caráteres distintos. “A história de enrola e se desenrola mostrando algumas figuras desconhecidas encontradas numa grande cidade”, diz Tiche. Segundo ela, os atores escolheram as questões sociais que queriam abordar e a partir dai trabalharam as máscaras, construídas dentro dos arquétipos da commedia dell’arte e do teatro popular urbano.

Além das peças do repertório do Barracão, a programação contará com grupos convidados, como os Contadores de Mentira, de Suzano, e Desembargadores do Furgão, de São Paulo. Toda a programação tem entrada “no chapéu”, prática em que o espectador decide quanto pagar pelo espetáculo, de acordo com o valor que atribuir à apresentação e pela sua disponibilidade financeira.

Na próxima semana serão apresentados as montagens 'Zabobrim Quer Mamar' e 'O Circo do Só Eu', ambos com o palhaço Zabobrim, criação de Esio Magalhães; e 'Curra - Temperos sobre Medeia', do grupo Contadores de Mentira. Completam a programação as montagens 'Diário Baldio', 'Zabobrim, Detetive por Acaso', 'WWW para Freedom', 'A Julieta e o Romeu', 'Zabobrim no Espeto' e 'Amor te Espero', todas do Barracão, e 'Uma Irremediável Escolha', do grupo Desembargadores do Furgão.

AGENDE-SE

O quê: Mostra Barracão Teatro

Quando: a partir deste sábado (6) até 19/7; abertura com 'O Ponto Alto da Festa', no sábado, às 20h, e domingo (7), às 19h

Onde: no Barracão Teatro (Rua Eduardo Modesto, 128, Barão Geraldo, fone: 3289-4275)

Quanto: contribuição a critério do público

Escrito por:

Delma Medeiros