Publicado 30 de Junho de 2015 - 14h57

Por France Press

Agentes de Saúde da Libéria enterram vítima do Ebola

France Press

Agentes de Saúde da Libéria enterram vítima do Ebola

O Ebola reapareceu na Libéria, seis semanas depois do país ter sido declarado isento do vírus, anunciaram as autoridades nesta terça-feira (30).

"Um novo caso de Ebola foi registrado no condado de Margibi. O paciente faleceu e foi confirmado positivo antes da morte", disse o vice-ministro da Saúde, Tolbert Nyensuah.

As autoridades identificaram e colocaram em quarentena todas as pessoas que estiveram em contato com o paciente, segundo o vice-ministro, que não revelou informações sobre a vítima.

"Estamos investigando para determinar a origem do novo caso. Pedimos aos liberianos e a todas as pessoas que vivem na Libéria que adotem medidas preventivas", afirmou.

Serra Leoa e Guiné, vizinhos da Libéria, ainda enfrentam a epidemia que provocou mais de 11 mil mortes nos três países.

O condado de Margibi, onde foi registrado o novo caso de Ebola, fica ao leste de Monróvia, longe das fronteiras com os dois países.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) já foi informada sobre a descoberta do vírus.

Escrito por:

France Press