Publicado 01 de Junho de 2015 - 9h08

Por France Press

John Kerry é um entusiasta do ciclismo e se envolveu em um acidente que causou o rompimento do seu fêmur, na Suíça

France Press

John Kerry é um entusiasta do ciclismo e se envolveu em um acidente que causou o rompimento do seu fêmur, na Suíça

O secretário de Estado americano, John Kerry, retornará nesta segunda-feira aos Estados Unidos depois de fraturar o fêmur direito em um acidente de bicicleta na França, o que deixará temporariamente a diplomacia do país sem o seu principal nome.

O diplomata de 71 anos estava em Genebra no fim de semana ao lado do chanceler iraniano, Mohamad Javad Zarif, para tentar avançar com as negociações sobre o programa nuclear de Teerã.

"Gostaria de ver alguém no hospital (de Genebra) tentando impedir que John Kerry negocie e trabalhe enquanto se recupera de sua perna quebrada", brincou no Twitter a ex-porta-voz do Departamento de Estado Jennifer Psaki, em referência à grande capacidade de trabalho de Kerry.

O acidente, que obrigou Kerry a cancelar visitas previstas a Madri e Paris, aconteceu no domingo, quando este grande amante do ciclismo pretendia subir o porto da Colombière, nos Alpes franceses, área que já foi uma etapa da Volta da França, perto da fronteira entre França e Suíça.

O acidente ocorreu por volta das 09h40 locais (04h40 de Brasília) perto da cidade francesa de Scionzier, no departamento (estado) de Haute-Savoie, e Kerry foi levado de helicóptero para o Hospital Universitário de Genebra.

Os médicos consideraram razoável manter o diplomata em observação durante a noite e seu retorno aos Estados Unidos na segunda-feira, segundo o porta-voz do Departamento de Estado, John Kirby.

Depois do acidente, Kerry falou por telefone com o presidente Barack Obama.

O secretário de Estado pretendia viajar a Madri no domingo à tarde, antes de seguir para a capital francesa para participar, na terça-feira, em uma reunião da coalizão internacional que combate o grupo jihadista Estado Islâmico no Iraque e na Síria.

O Departamento de Estado anunciou que Kerry será substituído na reunião de Paris pelo subsecretário de Estado Antony Blinken.

Escrito por:

France Press